Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2018

3.913 em 15/10/2018  

Caminhoneiro é morto durante protesto na BR-116. Novos bloqueios nas estradas nesta segunda-feira

BR-222

Na BR-116, topiqueiros fecharam as pistas em Pacajus e Horizonte, em apoio aos caminhoneiros m caminhoneiro foi morto e outro ficou gravemente ferido durante um bloqueio no quilômetro 230 da BR-116, no Município de Tabuleiro do Norte, na Região do Vael do Jaguaribe. O fato ocorreu por volta de 18h30 da última sexta-feira (25). Segundo apurou a Polícia, durante a movimentação dos caminhoneiros, apareceram homens armados ocupando um veículo modelo HB20 e motocicletas. Eles teriam disparado cerca de 15 tiros no local.

Um dos caminhoneiros, identificado como Heverson Fagner Alencar Lima, 37 anos, foi atingido com, pelo menos, quatro disparos no tórax e morreu no local. Outro caminhoneiro, identificado como Kilderi Malveira da Costa, foi também baleado e socorrido para o Hospital Municipal de Limoeiro do Norte.

Mais bloqueios 

Novos bloqueios de rodovias são registrados no começo da manhã desta segunda-feira (28) em alguns pontos de estradas no Ceará. São, pelo menos, 13 pontos de fechamento de vias, segundo o último balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Batalhão de Policiamento Rodoviário (BPRE), responsáveis pela segurança nas rodovias federais (BRs) e estaduais (CEs), respectivamente.

O maior transtorno para usuários das rodovias cearenses acontece novamente na BR-222, na altura do bairro Tabapuá, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, onde o tráfego está paralisado desde às 7 horas. Também há bloqueio de manifestantes na BR-116, em Itaitinga. Assim, as duas principais vias de entradas para Fortaleza estão fechadas.

Outros bloqueios acontecem no Distrito de Aprazível, em Sobral, na Zona Norte do estado; e em Irauçuba, à altura do quilômetro 208 da BR-222. Caminhoneiros continuam realizando manifestações mesmo após o governado ter anunciado o atendimento à grande parte das reivindicações da categoria.

Fechado

Nas cidades de Horizonte e Pacajus, também na Região Metropolitana de Fortaleza, o movimento de paralisação dos caminhoneiros ganhou a adesão dos motoristas e cobradores de topiques. Todos os veículos estão parados. Ainda no domingo, as cooperativas que fazem o transporte alternativo das duas cidades informaram, através de mensagens em aplicativos de celular, que os veículos não iriam rodar nesta segunda-feira.

Na entrada de Fortaleza pela BR-222, as cenas ocorridas na manhã de sexta-feira (25) se repetiram hoje. Caminhoneiros bloquearam as duas pistas utilizando caçambas. A interdição atinge também a Avenida Dom Almeida Lustosa, que dá acesso ao Distrito da Jurema e a vários bairros como os conjuntos Araturi, Ceará (em Fortaleza), Parque Potira e Parque Guadalajara.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar