Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

1.299 em 19/7/2019  

Fortaleza registra mais oito assassinatos nas últimas 24 horas. Uma tentativa de chacina ocorreu na madrugada

Sexta 14.8 244

Na Rua 10 do Parque Santana, Eduardo Ítalo Chaves foi morto a tiros

Uma tentativa de chacina deixou mais um rastro de sangue e morte em Fortaleza. O caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (14), quando bandidos invadiram uma favela no bairro Couto Fernandes com o objetivo de eliminar, ao menos, três pessoas. Nas últimas 24 horas, pelo menos, oito homicídios ocorreram na Capital cearense.

O caso ocorreu por volta de uma hora, na Rua Tibiriçá, quando dois bandidos em uma moto preta, placa não anotada, invadiram a favela localizada nas proximidades da indústria Guararapes. A dupla se dirigiu a um dos imóveis e atirou em três homens que ali estavam escondidos. Os três foram socorridos por vizinhos para o Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro), onde um deles chegou  sem vida. Os outros dois estão em estado grave.

O homem que morreu foi identificado como Ricardo Santos Carneiro, conhecido por “Cacá”, que seria um dos chefes do tráfico de drogas naquele bairro. Também foram baleados outros dois homens identificados  por Bruno ou “Gaguinho”,  e Antônio Marcos, o “Quinca”.

Conforme o relato dos moradores, uma das vítimas tentou fugir pelos fundos da residência, mas ao se apoiar em uma pia esta acabou quebrando.  Do outro lado do muro um dos bandidos estava de tocaia. Assim, a queda evitou que a vítima pulasse o muro e fosse fuzilada pelo segundo atirador.

Mais casos

Ainda entre a noite de ontem e a madrugada de hoje, pelo menos, mais dois casos de homicídios foram registrados em Fortaleza. Um deles ocorreu na Rua 10 do Parque Santana, no Grande Mondubim, onde um homem, identificado como Eduardo Ítalo Barbosa Souza Chaves, foi executado com vários tiros.

Já no fim da madrugada de hoje, um crime de morte ocorreu no Centro de Fortaleza. Um homem foi morto na esquina da Avenida Tristão Gonçalves com a Rua Castro e Silva, a um quarteirão da Praça Castro Carreira (da Estação). Foi o segundo assassinato naquela área em menos de 48 horas, pois na madrugada de quarta-feira, um homem foi executado, a tiros, na Rua Senador Jaguaribe, próximo da Favela do Oitão Preto, onde o tráfico de drogas é intenso.

Nas últimas 24 horas, pelo menos, seis pessoas foram mortas na Capital cearense, nos seguintes bairros: Pici, Monte Castelo, Henrique Jorge, Bonsucesso, Couto Fernandes, Granja Lisboa, Mondubim e Centro.

Interior

Já no Interior do estado, três bandidos morreram numa troca de tiros com policiais militares no Município de Milagres. O confronto ocorreu entre a CE-384 e a  BR-116. Os três homens mortos eram fugitivos da Justiça e apontados como autores de vários crimes de pistolagem no Vale do Jaguaribe, além de assaltos e seqüestros no Ceará e Rio Grande do Norte. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar