Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

2.200 em 11/11/2019  

Violência no Ceará não dá trégua: em apenas 4 dias de 2016, 45 pessoas foram assaassinadas

Terça 5.1.2016 011

Três adolescentes foram apreendidos depois de assaltar e matar um servidor público durante o roubo no bairro Jardim América, na segunda-feira, primieo dia útil do ano de 2016

Terça 5.1.2016 002

Primeira vítima de latrocínio do ano em Fortaleza. Jubiabá Lavor do Nascimento, 39 anos, funcionário do Centro de Controle de Zoonoses, da Prefeitura Municipal, tombou na porta de casa

Terça 5.1.2016 014

Em poder dos três assaltantes, a Polícia apreendeu várias bolsas, carteiras, celulares e outros objetos que os bandidos roubaram de vítimas em assaltos nos pontos de ônibus

O ano de 2016 começa de forma tão violenta no estado do Ceará como terminou 2015. Se no ano passado ocorreram mais de 4 mil homicídios, somente nos quatro primeiros dias de 2016, 45 pessoas foram mortas, uma média de 10 homicídios/latrocínios por dia.

No dia 1º de janeiro, o Ceará teve o registro de, nada menos, que 14 assassinatos, sendo quatro na Capital (nos bairros Papicu, Granja Lisboa, Autran Nunes de Conjunto Ceará), três na região Metropolitana (Municípios de Caucaia, Aquiraz e Itaitinga), além de outros sete no Interior (nos Municípios de Sobral, Baturité, Itapajé, Quixadá, Ibicuitinga, Tauá e Parambu).

Já no dia 2 (sábado), foram oito homicídios, sendo três na Capital (bairros Messejana, Bom Jardim e Jacarecanga), três na RMF (dois em Caucaia e um em Maracanaú), além de dois no Interior (Ibicuitinga e Icó).

No dia 3 (domingo), ocorreram mais 12 homicídios, sendo dois na RMF (Aquiraz e Pacatuba) e 10 no Interior (duplo em Jijoca de Jericoacoara, duplo em Banabuiú, além de crimes em Tianguá, Tabuleiro do Norte, Juazeiro do Norte, Missão Velha, Senador Pompeu e Parambu).

Já na segunda-feira  (4) foram, pelo menos, mais 11 casos até o momento registrados, sendo sete na Capital (bairros Papicu, Jardim América, Vila Manuel Sátiro, Jangurussu, Mondubim, Barra do Ceará e Serrinha), três  na RMF (Caucaia, Maracanaú  e Guaiúba) e um no Município de Itarema, no Interior do estado.

Latrocínios

Entre os crimes registrados nas últimas 24 horas no Ceará, o indicativo de, pelo menos, dois casos de latrocínios (roubo seguido de morte).

O primeiro na Capital, onde o servidor público municipal, Jubiabá Lavor do Nascimento, 39 anos, lotado no Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura Municipal de Fortaleza (PMF), foi assassinado numa tentativa de assalto na porta de casa. Era por volta de 6h30 desta segunda-feira, quando o servidor saía de casa, na Rua Delmiro de farias, no bairro Jardim América,  para o trabalho e acabou sendo surpreendido por bandidos armados que exigiram seu celular. Ele se assustou com o ataque e acabou sendo baleado e morto. Três adolescentes suspeitos do latrocínio foram rapidamente apreendidos pela Polícia Militar.

O segundo caso aconteceu na Praia de Almofala, no Município de Itarema, no litoral Oeste do estado (a210Km de Fortaleza). O empresário e vereador daquele Município, José Marcondes Rodrigues, 44 anos, foi morto, a tiros, quando descansava em uma barraca de praia. O crime ocorreu no começo da tarde de segunda-feira (4). A Polícia suspeita da ação de assaltantes.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar