Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

708 em 18/4/2019  

PRF registrou 1.600 ocorrências no Carnaval, mas apenas uma morte nas estradas cearenses

PRF3

Embriaguez na direção, ultrapassagens indevidas e excesso de velocidade foram a maioria das 1.600 ocorrências registradas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante a “Operação Carnaval 2016”, nas rodovias federais que cortam o Ceará.

Os dados deverão ser confirmados ainda na manhã desta quinta-feira pelo órgão. O resultado da operação vai incluir também nas estatísticas o número de notificações aplicadas pelos agentes com o uso de modernos radares portáteis e fixos.

Apesar do alto número de ocorrências, o índice de acidentes com mortes caiu nas BRs neste ano em comparação ao carnaval de 2015. Apenas um óbito, segundo a PRF, foi registrado nas BRs no Ceará. No ano passado foram três.

Estaduais

Já o Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE) também fará, nesta manhã, a divulgação de suas estatísticas da Operação, através de uma coletiva de Imprensa na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

O órgão realizou um trabalho conjunto com o Detran nas estradas estaduais com maior fluxo de veículos no carnaval, entre elas, a CE-040 (que liga Fortaleza a Aracati e às demais cidades do litoral Leste), a CE-085 (litoral Oeste), e a CE-060 (Estrada do Algodão).

Um doa acidentes mais graves durante o período momino aconteceu exatamente numa rodovia estadual. Foi na CE-455, no Município de Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Na noite de sábado (6), três pessoas morreram e outras duas ficaram gravemente feridas ao serem atropeladas por um veículo em alta velocidade. O motorista foi preso e o teste do bafômetro comprovou que ele estava bêbado.

Outro desastre  ocorreu na CE-265, na altura da localidade de Comunidade Maria Dias, em Limoeiro do Norte, onde Vitor Holanda Façanha, 22 anos, morreu numa colisão envolvendo motocicleta.

Na CE-060, em Acopiara, na Região Centro-Sul, um capotamento de veículo resultou na morte de seu guiador, o médico recém-formado Bruno Alves Moreira, 28 anos.

Na CE-341, localidade de Santo Antônio, no Município de Apuiarés, Raimundo Fagundes Filho morreu vítima de uma colisão.

Na CE-292, na localidade de Sítio triunfo, em Nova Olinda, na Região Sul do estado (Cariri), Antônio Marcos Raimundo da Silva, 28, também foi vítima fatal de uma colisão envolvendo motocicleta.

Na CE-060, Km 208, na localidade de Volta da Serra, no Município de Quixeramobim, no Sertão Central, a professora Julianne Nógimo de Freitas, 28 anos, que era passageira de um táxi, morreu durante uma colisão que envolveu outro automóvel e uma retroescavadeira.

 


Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar