Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

Juiz decreta prisão temporária do suspeito de matar advogado dentro das Lojas Americanas

Jairo bandido

Francisco Jairo, 21: preso um dia após ter praticado o latrocínio. Suspeito foi filmado dentro da loja 

A Justiça decretou, na noite desta terça-feira (4), a prisão preventiva do homem suspeito de matar o advogado e economista Paulo Sérgio Alves Garcia durante uma “saidinha” bancária ocorrida na manhã do último sábado (1), na zona nobre de Fortaleza.

O juiz titular da 3ª Vara do Júri da Capital, Victor Nunes Barroso, decretou a prisão temporária do ex-presidiário e traficante de drogas Francisco Jairo de Sousa, 21 anos. O pedido de custódia do suspeito foi encaminhado ao Plantão Judiciário no Fórum Clóvis Beviláqua, pelo delegado da Polícia Civil, Leonardo Barreto, diretor da Divisão de Homicídios e Proteção á Pessoa (DHPP).

Francisco Jairo foi detido na manhã de domingo passado (2), numa operação de policiais do 8º Batalhão da PM (Papicu), sob o comando do major PM Hideraldo Bellini. Uma denúncia anônima levou os militares à comunidade Quadra de Santa Cecília, na Aldeota, onde o bandido estava escondido desde o dia do anterior, quando teria praticado o latrocínio (roubo seguido de morte) junto com um comparsa.

O crime

O advogado havia sacado dinheiro na agência da Caixa Econômica Federal situada na Avenida Dom Luiz, no bairro Meireles. Ao sair do banco, Paulo Sérgio Garcia percebeu que estava sendo seguido por dois homens. Na tentativa de escapar do assalto, ele correu e entrou nas Lojas Americanas, situada no cruzamento daquela avenida com a Rua Frei Mansueto.

Mesmo tendo buscado ajuda, o advogado foi abordado pelos ladrões dentro da loja, baleado e teve morte imediata. O crime foi filmado pelas câmeras do circuito interno do estabelecimento e as imagens gravadas facilitaram a identificação do atirador.

A DHPP continua em diligências para prender o segundo envolvido no assassinato. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar