Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

Presos da facção que comandou ataques em Fortaleza são isolados em ala do Presídio do Carrapicho

Carrapicho 2

Presídio do Carrapicho, em Caucaia, concentra hoje detentos de quatro facções criminosas

 VEJA A MANIFESTAÇÃO DA FACÇÃO NO PRESÍDIO:

Cerca de 70 detentos que informaram pertencer à facção criminosa Guardiões do Estado (GDE) estão isolados  numa ala da Unidade Prisional Desembargador Adalberto de Oliveira Barros Leal, o Presídio do Carrapicho, no Município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza.  A informação é de uma fonte da Justiça. Os presos foram retirados dos pavilhões onde estavam prestes a entrar em conflitos com os membros das facções rivais Família do Norte (FDN) e Comando Vermelho (CV).

O remanejamento dos membros da GDE para uma ala isolada fez parte das negociações realizadas no fim de semana prolongado de Tiradentes com um grupo de promotores de Justiça e representantes da Justiça, através da Vara de Execuções Penais e Corregedoria dos Presídios. Um massacre, segundo as autoridades, estaria prestes a acontecer caso a providência não houvesse sido tomada.

Mortes

Se do lado de dentro do presídio as autoridades conseguiram evitar o confronto armado entre as facções, do lado de fora isso não foi possível. Dois líderes das organizações criminosas, sendo um da GDE e outro da FDN, acabaram sendo executados sumariamente no intervalo entre a última quinta-feira (20) e o sábado (22).

Na Praia do Futuro, na zona Leste de Fortaleza foi assassinado, na quinta-feira (20), o traficante de drogas amazonense Vainer de Matos Magalhães, 34 anos, o “Vainer Pepe”, apontado pelas autoridades policiais e da Justiça do Amazonas como um dos principais chefes da facção Família do Norte. A caminhoneta que ele dirigia foi atingida por mais de 40 tiros de fuzil.  O bandido morreu na hora e uma mulher que o acompanhava ficou ferida e permanece hospitalizada.

Executado

No sábado (22), outra traficante, mas chefe de um dos “braços” locais do GDE foi fuzilado na Barra do Ceará, na zona Oeste da cidade. O caso ocorreu no cruzamento das ruas 30 de Março e César Correia. O bandido executado a tiros foi identificado como sendo o traficante de drogas Rogério Arlindo Santiago, o “Rogerinho”.  Outras quatro pessoas ficaram feridas.

Segundo testemunhas, bandidos em um veículo Golf preto dispararam mais de 40 tiros na rua, executando o traficante rival e atingido aleatoriamente as pessoas que estavam no cruzamento. “Rogerinho” ainda chegou a ser levado para a Unidade de pronto Atendimento (UPA) da Avenida Leste-Oeste, no Pirambu, onde morreu na Emergência.

A Polícia não sabe, ainda, se as duas mortes têm ligação.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar