Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2017

4.572

Atualizado em 23/11/2017  

Saiba o que está rolando agora nos bastidores da Segurança Pública do Ceará

SIRENE ABERTA 

Por FERNANDO RIBEIRO 

carmem-lucia

Em sua rápida passagem por Fortaleza, no começo desta semana, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Conselho Nacional da Justiça (CNJ), ministra Carmem Lúcia (FOTO), foi enfática ao declarar que o Sistema Penitenciário brasileiro faliu. “Não temos um sistema carcerário minimamente coerente com o que estabelece a Constituição. Esse modelo de hoje, acabou”, resumiu. (LEI A ÍNTEGRA DA COLUNA)

Carmem Lúcia veio ao Ceará conhecer a realidade do nosso Sistema Penitenciário, que, à exemplo do que ocorre em todo o País, está carcomido pelo crime organizado, destruído e que em nada serve para ressocializar o condenado. As cadeias não passam de meros depósitos de bandidos comandados pelos chefões das facções. Apenas isso. E mais, no Ceará, com a devida permissão do governo, o Sistema Penitenciário foi “loteado” pelas facções Comando Vermelho (CV), PCC, Guardiões do Estado (GDE) e Família do Norte (FDN). São elas que mandam e desmandam... alguém duvida??

LINHA DIRETA COM O BATMAM

Batmam

Secretário da Segurança Pública (de novo???) André Costa promete divulgar, em breve, o número de uma linha direta  do público com ele através do WhatsApp. Quer receber diretamente do povo denúncias de crimes e assim ordenar providências imediatas. Que bom! Mas será que ele vai aguentar tantas mensagens? Sim, porque nos fins de semana, principalmente, ligar para a Ciops e ser atendido é questão de sorte e um exercício de paciência. As linhas estão sempre ocupadas, as atendentes afobadas e tem também aquela musiquinha irritante junto com a mensagem: "A Ciops informa... aguarde atendimento... tu, tu tu, tu ...."

ENXURRADA DE PROCESSOS

Cadeia braba

E vem por aí uma enxurrada de processos indenizatórios contra o Estado do Ceará. E quem processa são as famílias dos detentos que morreram ou foram gravemente  feridos na mega-rebelião ocorrida há um ano nos presídios da Grande Fortaleza durante a greve dos agentes penitenciários. Segundo dados oficiais da Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejus), 14 presidiários morreram dentro das unidades CPPLs 1, 2 e 3, todas em Itaitinga;  além do Presídio do Carrapicho, em Caucaia. Mas há quem diga que esse número é bem maior. Até hoje, há detentos considerados “desaparecidos” depois do motim simultâneo que deixou um rastro de destruição nas cadeias locais.

TERRA DO MEDO

Pacajus

 

A população de Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF)  está pedindo socorro às autoridades! Os índices de violência ali são desastrosos para a Segurança Pública. Os homicídios estão sem controle. Em menos de 24 horas, três pessoas foram assassinadas ali. Bairros como Banguê, Aldeia Park e comunidades como Areias, Mangabeira, Formoso, Limoeiro, Coaçu e Tiririca estão dominados pelo tráfico e pela violência. O número de viaturas ali foi reduzido. Com menos Polícia nas ruas, mais bandidos à solta...

SANDUBA ASSASSINO

sanduba

Uma grande empresa de alimentos foi condenada pelo Tribunal de Justiça a pagar indenização altíssima à família de um consumidor que morreu por graves complicações de saúde após comer um sanduíche da famosa marca internacional que tem franquia aqui em Fortaleza. O processo estava tramitando em segredo de justiça a pedido dos advogados locais da multinacional, mas esse sigilo caiu.  A intoxicação alimentar que levou o paciente a óbito foi provada nos autos do processo. Depois eu conto tudinho, com nomes...

POLÍTICA NA POLÍCIA

PC

 

A politicagem está acabando com a hierarquia na Polícia Civil do Ceará. Delegados estão reclamando que inspetores e escrivães estão sendo remanejados sem o conhecimento e a anuência dos titulares das delegacias. Os Deltas (delegados) estão com suas equipes desfalcadas e seus trabalhos investigativos prejudicados devido a isso. Policiais são remanejados por apadrinhamento político sem qualquer comunicação aos delegados titulares. A insatisfação é grande na instituição e o papel da Polícia Judiciária do estado vai de mal a pior... e tome inquéritos inconclusos, o que só favorece a impunidadade dos criminosos.

DANÇA DAS CADEIRAS

Ana Lucia Almeida

E por falar em Polícia Civil, vem ai mais troca-troca na infindável “dança das cadeiras” na instituição. Ana Lúcia Almeida (FOTO), que há anos comandava a Delegacia Metropolitana do Eusébio, vai assumir  a chefia do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM). Já o delegado Pedro Viana Filho vai ser o gestor das delegacias da Capital.

E TEM MAIS!!!!

* E o clima está pesado na Procuradoria da República no Ceará após se espalharem pelas redes sociais informes do suposto envolvimento de dois integrantes da instituição no esquema de propinas apurado através da Operação Lava-Jato.  Será verdade??? Com a palavra o próprio MPF-CE.

* Começou a programa de eventos da Semana da Segurança Pública do Ceará, em alusão aos 20 anos d e criação da Pasta, simultaneamente aos 182 anos da Polícia Militar do Ceará. São realizadas  exposições de equipamentos das policiais Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e da Pefoce (Perícia Forense) nos shoppings Rio Mar Fortaleza (Papicu) e Rio Mar Kennedy...

* ... Mas a programação é bem mais extensa e inclui torneio de futebol entre os órgãos vinculados, apresentações (retretas) das Bandas de Música da PM e dos Bombeiros nos Terminais de Passageiros da Capital, além de concursos de Redação e Fotografia. No domingo (21) haverá um passeio ciclístico e o encerramento será dia 24, com solenidade no Quartel do Comando Geral da PM.

* Vários países da América Latina estão selando um pacto para a redução dos homicídios. As taxas são altíssimas. Na América do Sul, principalmente. Os governos dessas nações buscam políticas que reduzam em até 50 por cento as taxas dos assassinatos até 2027.

* Alguns estados brasileiros estão em busca de comprar armas estrangeiras para municiar suas policiais civis e militares. Tudo isso porque a fabricante Taurus tem trazido prejuízos. Mais de 60 mortes acidentais já ocorreram em conseqüência de defeitos nas pistolas da  marca.

* Mês de maio no Ceará começou tão violento quanto terminou abril. Somente nos primeiros 15 dias, foram registrados 216 Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs). Se esse número dobrar nos outros 16 dias restantes, o total vai superar em muito os índices de maio/2016 (285).

* E a “guerra” entre as facções Guardiões do Estado (GDE) e Comando Vermelho (CV) continua a despejar cadáveres nas ruas de Fortaleza e Região Metropolitana, deixando um rastro de sangue e dor, além de, consequentemente, naufragar o programa “Ceará Pacífico”.

* “Segurança não se faz só com Polícia”, frase da vice-governadora do Estado, professora Izolda Cela, que, coincidentemente, coordena o programa “Ceará Pacífico”.   

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar