Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2018

1.663

Atualizado em 26/4/2018  

Bandidos presos em Fortaleza com carregadores e munição de fuzis calibre 5.56

Parangaba 1Parangaba 2Parangaba 3Parangaba4

Dois carregadores e 82 balas de fuzil 5.56 estava em poder de Hildejackson e Glaylson

Dois homens foram presos em Fortaleza com munições de fuzis de calibre 5.56, arma de uso militar e que é utilizado por bandidos em ataques a bancos e contra carros-fortes. A dupla foi detida no momento em que trafegava em um veículo pelas proximidades do Terminal de Passageiros de Parangaba, na zona Sul da Capital.

O caso foi levado para a Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), onde Glaylson Peixoto Lemos, 27 anos; e Hideljackson Florêncio Sales, 19, foram autuados em flagrante por porte de munição de uso restrito. No carro em que eles estavam os policiais militares encontraram 82 munições e dois carregadores para fuzis de calibre 5.56, além de celulares e outros objetos suspeitos.

Os dois homens são moradores do Município de Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), e um deles já possuía antecedentes criminais por roubo e formação de quadrilha. O que a Polícia agora quer saber onde estão as armas que seriam municiadas com o carregador e as balas encontradas com a dupla.

Banco explodido

Neste ano, um caso de assalto a banco já foi registrado no Ceará. O alvo foi a agência do Bradesco da cidade de Ibaretama (a 130Km de Fortaleza), que acabou sendo destruída pela explosão de artefatos nos caixas eletrônicos na madrugada do dia  11 último.  Relatos dos moradores da cidade revelam que uma quadrilha armada com fuzis teria praticado o crime.

Armas de grosso calibre, como fuzis e submetralhadoras, além de espingardas de calibre 12 (escopetas) e pistolas, são as armas que geralmente os criminosos usam nos ataques a bancos e blindados, além de artefatos explosivos. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar