Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2018

3.591 Em 20/9/2018  

Em apenas 24 horas, mas cinco mulheres são assassinadas no Ceará. No ano, já são 91 vítimas

Novinha 12 Assaré Icó - mulher

Pâmela, morta em Fortaleza      Juliana, queimada em Assaré        Cleane, assassinada em Icó

Pio Saraiva

Na noite desta quarta-feira, duas garotas foram mortas, a tiros, no bairro Antônio Bezerra

Cinco mulheres foram mortas nas últimas 24 horas em todo o estado do Ceará, elevando assim para 91 o número de vítimas do gênero no estado em menos de dois meses completos de 2018. No ano passado, foram 348 mortes.

Na noite desta quarta-feira, duas jovens – ainda não identificadas, foram assassinadas, a tiros no bairro Antônio Bezerra, na zona leste de Fortaleza. O crime ocorreu por volta de 22h20 na Rua Pio Saraiva, nas proximidades da sede de uma faculdade privada. As duas jovens foram atingidas por vários tiros e tiveram morte imediata.

Os corpos das jovens foram recolhidos pela Perícia Forense já por volta da meia-noite. Policiais militares e equipes de inspetores e escrivães da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estiveram no local colhendo informações iniciais. Na mesma rua, uma garota foi assassinada na noite do último sábado (17). A Polícia suspeita que os crimes tenham ligação e seriam decorrentes da guerra entre facções criminosas da área.

Ainda na tarde de ontem, outra jovem foi morta, também a tiros, no bairro Floresta (Álvaro) Weyne. O segundo caso em menos de 24 horas. Na tarde de terça-feira, a jovem Pâmela Lima Soares, 20 anos, foi fuzilada na porta da casa de um vizinho, na Rua João Ribeiro, no mesmo bairro.

Interior

Na cidade de Icó (a 375Km de Fortaleza), a dona de casa Cleane Rodrigues dos Santos, 33 anos, mãe de seis crianças com idades entre quatro e 11 anos, foi encontrada morta no começo da manhã desta quarta-feira (20). O corpo foi localizado no bairro Vila Pedregal. Estava com uma corda atada ao pescoço e com muitas marcas de agressão física. Logo, a Polícia esclareceu o crime prendendo o ex-marido dela, o gari Lucas Sebastião dos Santos, 33, que confessou o crime.

No ano passado, o casal se separou e o gari não aceitou, chegando a tentar matar Cleane. Ela foi esfaqueada e ele acabou preso. Passou quatro meses na cadeia e, recentemente, foi solto. Na noite de terça-feira, ele ligou para a ex-companheira e marcou um encontro, quando acabou praticando o assassinato. Sebastião foi autuado em flagrante por feminicídio.

Queimada pelo pai

Na madrugada de ontem, morreu no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) do Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza, a estudante universitária Juliana Oliveira, 18 anos, aluna do curso de Economia da Universidade Regional do Cariri (Urca). Ela passou 12 dias internada após ser queimada com fogo e gasolina pelo próprio pai, João Batista de Oliveira. O crime ocorreu no Município de Assaré, no Cariri (a 491Km de Fortaleza). O pai morreu também vítima de queimaduras, no dia anterior. Ele tocou fogo na casa, com a família dentro, por não aceitar o fim do casamento.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar