Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2018

3.591 Em 20/9/2018  

Prefeitura de Fortaleza inaugura primeira Torre de Segurança do Plano Municipal de Proteção Urbana

Torre do PMPU 10

A primeira torre blindada do PMPU  será inaugurada nesta quarta-feira no bairro Jangurussu

A Prefeitura de Fortaleza inaugura nesta quarta-feira (28), a primeira Torre de Segurança do Plano Municipal de Proteção Urbana (PMPU). A torre está instalada no bairro Jangurussu, na zona Sul da Capital, um dos mais afetados com a violência armada na Capital e onde os índices de homicídios são representativos por conta da guerra entre facções. A base será a primeira de outras que se espalharão pela cidade no decorrer do ano.

O trabalho será conjunto entre a Guarda Municipal de Fortaleza (GMF) e a Polícia Militar do Ceará. Guardas e PMs trabalharão juntos no patrulhamento do bairro a partir da base de operações que funcionará na torre, uma edificação construída de foram planejada com blocos de cimento armado e vidros blindados que podem resistir até mesmo a tiros de fuzil. Do alto da torre haverá guardas municipais monitorando a área através de câmeras espalhadas pelas ruas do bairro. Drones, viaturas e motocicletas também serão alguns dos equipamentos à disposição do efetivo.

O PMPU foi idealizado pelo vice-prefeito de Fortaleza, Moroni Bing Torgan, com o aval do prefeito Roberto Cláudio e se torna uma experiência inédita no País no trabalho de prevenção à violência, com um misto de vigilância armada e a prestação de serviços à comunidade, como expedição de documentos, abertura de vagas em cursos profissionalizantes, mediação de conflitos, encaminhamento de usuários de drogas a tratamento médico/psicológico, além de atividades culturais e esportivas.

Monitorar

Segundo Moroni Torgan, o projeto veio à tona após ele conhecer o trabalho de prevenção à violência em várias cidades colombianas, onde as taxas da criminalidade foram reduzidas de forma contundente. O prefeito Roberto Cláudio recebeu com bons olhos a ideia e incumbiu o vice-prefeito de executar o plano.

A inauguração da torre no bairro Jangurussu é apenas a primeira de uma série. O PMPU deve ser implantado já neste primeiro semestre de 2018 em outras quatro comunidades da Capital cearense: Goiabeiras (na Barra do Ceará), Canindezinho, Edson Queiroz e Vila Velha. Os locais para a construção das torres já foi definido pela equipe do PMPU. Até o dia 15 de março a torre das Goiabeiras será inaugurada.

Moroni explica que a escolha dos bairros onde o PMPU será implantado não foi aleatória. Os bairros contemplados são aqueles que aparecem nas estatísticas criminais da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) como os de maior quantidade de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs), que representamos homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte.

Além da presença dos guardas e policiais no policiamento à pé, em bicicletas, motos e viaturas, cada torre controlará um total de 40 câmeras. Cada torre ou Célula de Proteção Comunitária contará com um efetivo de 40 guardas municipais e 20 PMs. Um convênio neste sentido foi firmado entre a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado para a cessão de efetivo.

Os guardas municipais irão trabalhar armados. Para isto, eles passaram por uma rigorsa seleção e treinamento que foi ministrado pela Polícia Federal. O órgão também emitiu os portes de armas para os profissionais.

Já nas Tendas da Cidadania serão realizadas as atividades de prestação de serviços à comunidade. A vigilância ocorrerá 24 por dia, sem interrupção, de seguna a segunda. Já a Tenda funcionária de segunda a sábado.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar