Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2018

2.779

Atualizado em 20/7/2018  

Monitoramento eletrônico começa a ser implantado em cidades cearenses para reduzir a criminalidade

Intermitente piscandoIntermitente piscando Intermitente piscando

SIRENE ABERTA Fernando Ribeiro

Câmeras mais 2

Caminho sem volta. A tecnologia a serviço da Segurança Pública e no combate ao crime. Esta é a regra a ser seguida pelos estados brasileiros que desejem, efetivamente, dar um basta na violência. No Ceará, dois grandes projetos estão em andamento e representam a luz no fim do túnel diante da assustadora situação em que se encontra a segurança. Com níveis altíssimos e recordistas de assassinatos e roubos, o Ceará começa a colocar em cena o projeto do vídeo-monitoramento eletrônico. Câmeras espalhadas nas ruas da Capital e das cidades metropolitanas e do interior irão auxiliar no trabalho do dia a dia da Polícia para prender bandidos e dar mais segurança ao cidadão. Caucaia foi a primeira.

CENTRO DE INTELIGÊNCIA

Outra ferramenta que deve ser implantada ainda neste primeiro semestre de 2018 é o Centro Regional de Inteligência, ideia do senador cearense e atual presidente do Senado federal, Eunício Oliveira (MDB). O centro será um gerador de informações que alimentarão as forças responsáveis pelo combate a crimes como tráfico de drogas e de armas e munição, seqüestros físicos e virtuais, roubo e receptação de cargas, ataques a bancos e carros-fortes e ações gerais do crime organizado, como lavagem de dinheiro e sonegação de impostos. Neste Centro de Inteligência estarão, lado a lado, equipes da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional de Segurança, polícias estaduais dos nove estados do Nordeste e até representantes da Agência Nacional de Inteligência e da Receita Federal.

AUXÍLIO LUXUOSO

A tecnologia se fez presente e ajudou, eletronicamente, a Polícia do Ceará a chegar bem rapidamente aos primeiros suspeitos da chacina ocorrida há uma semana no bairro Benfica, em Fortaleza. Foi através de uma câmera de rua que a Polícia identificou um dos carros usados na fuga pelos assassinos das sete pessoas. O levantamento da placa indicou o endereço do proprietário. Menos de 48 horas após a matança, equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), com o apoio da Unidade Tático Operacional (UTO), da Divisão Antissequestro (DAS), a unidade de elite da Polícia Civil cearense, invadiram um apartamento em um condomínio de luxo no bairro Meireles, e prenderam Douglas Matias da Silva. Com ele estavam, ao menos, três armas, supostamente, utilizadas na morte das sete vítimas. Como se percebe, o “auxílio luxuoso” da tecnologia (através de câmeras) levou as autoridades a rapidamente chegar aos matadores. É a tecnologia no combate ao crime.

AMEAÇAS DAS FACÇÕES

Não é para brincar com isso. Na semana passada, chefes de facções mandaram espalhar pela cidade ameaças a autoridades, tudo por conta da decisão do governo, com o respaldo do Congresso Nacional (Senado Federal e Câmara dos Deputados juntos), tornar obrigatório aos estados a implantação dos bloqueadores de sinal de telefonia celular nos presídios. No Ceará, o prazo estabelecido pela Justiça Estadual para a execução da medida foi de seis meses, ou 180 dias. Até lá, o governador Camilo Santana (PT) e sua equipe terão que “se virar nos 30” para cumprir a ordem judicial. Caso a determinação seja descumprida, haverá sanções: multa diária e processo por improbidade administrativa. O governador, por sua vez, preferiu não falar de prazos, mas tem sim, interesse em bloquear a comunicação diária entre os criminosos em liberdade e os que estão atrás das grades.

GUARDA VAI AJUDAR

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), pode sim ajudar em muito o governador Camilo Santana (PT) na luta contra a criminalidade do Ceará. E já está fazendo isso. Além do Plano Municipal de Proteção Urbana (PMPU), que já está em andamento com a instalação de Torres de Segurança, Camilo acompanhou o governador em todas as reuniões feitas desde o último fim de semana para tratar da chacina do Benfica e as providências a serem tomadas. Uma delas, foi colocar o efetivo da Guarda Municipal e da AMC à disposição do estado para operações conjuntas nas ruas. Serão blitze que visam a prevenção ao crime, principalmente no quesito de tirar de circulação motocicletas irregulares, já que elas são o principal veículo dos matadores e dos assaltantes. Parte da Guarda Municipal já está armada para atuar nos bairros onde as Torres de Segurança estão sendo implantadas. Esse efetivo que foi bem treinado pela Polícia Federal (após uma rigorosa seleção) pode ajudar sim no combate à violência na cidade.

PRAÇA DO CRIME

Depois de roubado, fecha-se a porta. A máxima cabe bem quando se fala sobre a segurança pública no Ceará. Na noite de sexta-feira passada, enquanto dezenas de pessoas – a maioria estudantes universitários – se divertiam na Praça da Gentilândia, no bairro Benfica, não havia no local um só policial militar, nem uma só patrulha. Aproveitando-se disso, os criminosos invadiram o local e praticaram a chacina. No dia seguinte, com equipes de Reportagem de vários canais de tevê, eram vistos vários policiais militares no local. Pra quê? Achavam que os assassinos iam voltar à cena do crime? Não, para mostrar através das câmeras que a situação já estava “tranqüila” na praça. Nos dias seguintes, o policiamento “desapareceu” e a praça continua como era antes, insegura. Até mesmo a tradicional feira-livre da Gentilândia (sempre aos domingos) sofreu o impacto da carnificina. Ficou vazia. Quem também sofreu prejuízos foram os comerciantes donos de bares e restaurantes do entorno do logradouro.

MULHERES NA MIRA

Entre os dias 1º de janeiro e 15 de março de 2018, nada menos, que 127 mulheres foram assassinadas no Ceará. Os números são trágicos e apontam como anda a violência no estado. Em janeiro forram 56 mulheres mortas (quase duas por dia), em fevereiro, outras 42. Em março, em 13 dias, mais 24, e o mês ainda está sua primeira metade. A maioria dos crimes está relacionada ao envolvimento das vítimas com o tráfico de drogas ou com as facções criminosas. Mas há registros importantes também de feminicídios (assassinatos de mulheres por seus companheiros, maridos, namorados e ex) e casos latrocínios (roubo seguido de morte). Nas estatísticas entrou nome da senhora Maria Horácia da Silveira. Ela tinha 81 anos de vida e morava sozinha em uma casa humilde no bairro Jacarecanga, na zona Oeste de Fortaleza). Na tarde de segunda-feira passada (12), seu corpo foi encontrado com sinais de violência (estrangulamento e facadas). Horácia foi morta por alguém que invadiu a casa para roubar as poucas moedas que ela guardava em seu cofre em forma de porquinho. Crueldade.

CÃES MILIONÁRIOS?!!!

Deu no Diário Oficial do Estado do Ceará, em sua edição do último dia 12 (na página 7). O governo do estado vai pagar quase um milhão de reais (exatos R$ 933.621,50) a uma micro-empresa (?) denominada de Veterinária Provet Ltda-ME, que foi a vencedora de uma licitação para aquisição de medicamentos, produtos veterinários ração, além de serviço de exames laboratoriais para o plantel de cães do Canil da Polícia Militar. A bagatela foi distribuída e será paga em seis lotes. O primeiro, no valor de R$ 248.000,00. O segundo, R$ 499.887. O terceiro, R$ 37.621,50. O quarto, R$ 73.490,40. O quinto lote, R$ 56.756,60. E o sexto, R$ 17.866,00. O pagamento foi autorizado (homologado) pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) no dia 28 de fevereiro, às 17 horas. O pregão eletrônico tem o número 20170055.

E TEM MAIS!!!

* Governador Camilo Santana ficou surpreso na solenidade de lançamento do Centro Integrado de Inteligência Regional, que será sediado em Fortaleza. No meio do seu discurso, o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse que o governo federal só repassará R$ 2 milhões para a implantação da unidade. O resto,é com o governo do Ceará...

* Em Uruburetama, cidade serrana distante 109 quilômetros de Fortaleza, a população está indignada com a conduta do seu prefeito, Hilson de Paiva, foi filmado em cenas de sexo com as pacientes de sua clínica de Ginecologia. Os vídeos “vazaram” e o prefeito pode sim perder o cargo, além de ir parar atrás das grades.

* Em Tabuleiro do Norte, no Vale do Jaguaribe, a Polícia investiga um incêndio criminoso que destruiu duas carretas. Uma quadrilha que estaria extorquindo os comerciantes e donos de veículos pesados estariam por trás do crime. São criminosos de altíssima periculosidade agindo naquela região.

* O que está acontecendo na Academia Estadual da Segurança Pública (Aesp)? Nas redes sociais e nos grupos do WathsApp, alunos fazem denúncias graves contra a direção daquela instituição. Falam de abusos de autoridade, de intolerância, assédio moral, além de freqüentes acidentes com armas no estande de tiro. Verdade???

* Excelente trabalho da Polícia Civil desvendou completamente e prendeu todos os envolvidos no caso das três jovens que foram sequetradas na Barra do Ceará e levadas para o mangue do Rio Ceará, na Vila Velha, onde acabaram torturadas, mortas e seus corpos mutilados. Todos os envolvidos já estão atrás das grades. E lá deveriam apodrecer...

* Impressiona o número de mulheres assassinadas nos últimos dois meses no Ceará. Entre os dias 1º de janeiro e 15 de março (ontem), o estado já registrava 127 assassinatos do gênero. A média é de duas mulheres mortas por dia. Por lei, o Ceará deveria ter 28 Delegacias de Defesa da Mulher (DDM), mas, atualmente, só possui 10. Em Fortaleza, apenas uma.

* Um primor será a nova sede do Batalhão de Polícia de Choque, nas dunas da Praia do Futuro. Tudo isso, graças à iniciativa privada, através do Grupo M. Dias Branco, que doou desde o terreno até os computadores que serão instalados ali. Parabéns. Choqueeeeeeee!!!

* PERGUNTA DO DIA: O que estão fazendo mesmo os membros da Força-Tarefa que vieram de Brasília para “auxiliar” a Polícia local a combater o crime organizado???

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar