Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2018

3.947em 18/10/2018  

Feriadão do Dia do Trabalhador termina sangrento no Ceará com 51 assassinatos

Quixadá morte

Em Quixadá, um homem foi morto e o corpo carbonizado neste veículo incendiado pelos assassinos

Cinquenta e uma pessoas foram assassinadas no Ceará no feriadão do Dia do Trabalhador, período compreendido entre a última sexta-feira (27) e a noite de terça-feira (1º), elevando para 1.725 o número de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) no ano. Somente na Capital e sua Região Metropolitana de Fortaleza, 33 pessoas foram mortas.

Em Fortaleza, 14 assassinatos foram registrados pelas autoridades policiais nos seguintes bairros: Jangurussu (3 casos), Cais do Porto, Siqueira, Vila Velha, Floresta, Itaperi, Jacarecanga, Bom Jardim, Conjunto Esperança, Jardim das Oliveiras, Aldeota e Praia do Futuro.

Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), os 19 assassinatos do feriadão ocorreram nos seguintes Municípios: Maracanaú (4 casos), Horizonte (4), Caucaia (4), Itaitinga (2), Pacajus (2), Maranguape, Cascavel e Aquiraz.

Sertão violento

No Interior Sul, nove pessoas foram assassinadas nos seguintes Municípios: Jaguaribara, Russas, Morada Nova, Crato, Barro, Tabuleiro do Norte, Jaguaribe, Milhã e Quixadá.

No Interior Norte foram registrados nove homicídios nos seguintes Municípios: Varjota (2 casos), Santa Quitéria, Itapajé, Guaraciaba do Norte, Bela Cruz, Canindé, Itapiúna e Forquilha.

Entre as 51 pessoas mortas, estão quatro mulheres, duas delas assassinadas em Fortaleza (nos bairros Jacarecanga e Cais do Porto) e outras duas na RMF (nos Municípios de Pacajus e Maracanaú).

Também na lista dos mortos, quatro bandidos que tombaram em troca de tiros com a Polícia Militar no feriadão, nos Municípios de Caucaia, Canindé, Itapiúna e Fortaleza (bairro Aldeota).

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar