Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2018

3.913 em 15/10/2018  

Prefeitura de Fortaleza e governo do estado vão ampliar Programa de Proteção Urbana

 Intermitente piscandoIntermitente piscando Intermitente piscando

SIRENE ABERTA   

Fernando Ribeiro

Eliomar 200

Vice-prefeito de Fortaleza, Moroni Torgan, recebeu a visita em seu gabinete do secretário da Segurança Pública, André Costa; e do comandante-geral da PM, coronel Ronaldo Viana. Assunto: ampliação já do PMPU

Governo do Estado do Ceará e Prefeitura de Fortaleza vão estreitar ainda mais os laços na caminhada pelo combate à violência. A parceria será nas áreas preventiva e repressiva. O projeto que virou uma realidade exitosa de prevenção à criminalidade na Capital, vai ser ampliado. Trata-se do Programa Municipal de Proteção Urbana, o PMPU, idealizado pelo vice-prefeito Moroni Bing Torgan e aprovado pelo prefeito Roberto Cláudio. O “piloto” do PMPU foi instalado em fevereiro passado no bairro Jangurussu. Resultado: o trabalho conjunto da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF) com a PM deu certo. Os índices de violência zeraram na área de abrangência da primeira Torre de Proteção. Essa experiência foi comemorada pelas autoridades e, como o que é bom deve ser repetido, o plano de se construir cinco torres na Capital agora será ampliado para 12.

MAIS TORRES À VISTA

Nesta quinta-feira (7), o executor do PMPU, Moroni Torgan, recebeu em seu gabinete a visita do secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, delegado federal André Costa (Moroni também é delegado da PF), que estava acompanhado do comandante-geral da PM, coronel Ronaldo Viana. Os três trocaram idéias sobre a prevenção e o combate ao crime na Capital e acertaram a ampliação do PMPU. As 12 torres serão assim divididas: cinco construídas pela Prefeitura (nos bairros Jangurussu, Barra do Ceará/Goiabeiras, Vila Velha, Canindezinho e Edson Queiroz) e outras sete pelo governo do estado, em locais que ainda estão sendo definidos, mas que serão escolhidos de forma estratégica para “encurralar” o crime trazer de volta a paz para a população da Capital. O governador do estado, Camilo Santana (PT), e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), já deram o “sinal verde” para que o PMPU seja ampliado.

AGENTES ARMADOS

Após a onda de violência que se abateu sobre o Sistema Penitenciário do Ceará, a Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejus), órgão estadual responsável pela gestão do sistema, realizou a entrega de novas armas de fogo, coletes à prova de balas, munição, fardamento e outros equipamentos para os agentes penitenciários. O total do volume de recursos utilizados na aquisição do material foi de R$ 7.640.000,00 (R$ 7,6 milhões). A maior parte desse dinheiro veio do Governo Federal, através do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen). Foram gastos da verba federal R$ 3,7 milhões na compra de armamento (pistolas e carabinas) e R$ 678 mil em coletes balísticos (à prova de balas). Já o Estado do Ceará bancou R$ 3,2 milhões em fardamentos. O material começou a ser distribuído para os atuais 2.136 agentes prisionais cearenses.

FICA PRESO QUEM QUER

Depois do escândalo envolvendo diretores de presídios, que, segundo o Ministério Público estadual (MPE), estariam agindo em parceria com criminosos presos e seus familiares, a atual secretária da Justiça e da Cidadania, procuradora de Justiça Socorro França Pinto, quer reerguer a imagem e o conceito do órgão. Não tem medido esforços para tornar o sistema mais seguro. No entanto, a estrutura está podre. No Interior do estado, as cadeias públicas não oferecem o mínimo de segurança. Fica preso quem quer. Já no Complexo Penitenciário da Grande Fortaleza, no Município de Itaitinga, as fugas em massa e os planos frustrados de fugas coletivas acontecem quase que diariamente. Não é fácil tomar de conta de um sistema falido que reúne, atualmente, cerca de 28,6 mil pessoas encarceradas, nos regimes fechado, semiaberto e aberto.

VIOLÊNCIA EM SOBRAL

O Município de Sobral, na zona Norte do estado, enfrenta neste momento mais uma onda de violência. Os casos de homicídios ligados ao tráfico de drogas voltaram a ocorrer com freqüência, exigindo das autoridades uma melhor atenção. O policiamento reforçado no Município, com o Batalhão Raio, tem realizado prisões diárias. Mas, ainda assim, há os traficantes que não dão trégua e ordenam a morte dos que recebem e consomem as drogas e não pagam. Outro problema que surgiu nos últimos dias em Sobral foram os assaltos e furtos em residências. Segundo as queixas da população, bandidos estão agindo nas casas e comércios travestidos de agentes de endemias. Já foram vários episódios narrados por moradores e comerciantes. Usando fardas e crachás falsos, os ladrões entram nos imóveis simulando vistorias e acabam praticando o crime.

MAIS RAIO, MAIS RAIO!!!

E o governador Camilo Santana, em rito de corrida à reeleição ao Palácio da Abolição, segue ampliando o Batalhão Raio pelo interior do estado. Os próximos Municípios que vão receber unidades da tropa de elite da PM serão os seguintes: Amontada, Baturité, Bela Cruz, Guaraciaba do Norte, Ipu, Brejo Santo, Ipueiras, Itaitinga, Itarema, Jaguaribe, Jaguaruana, Lavras da Mangabeira, Massapê, Mauriti, Missão Velha, Nova Russas, Paracuru, Paraipaba, Parambu, Pedra Branca, Pentecoste, Santana do Acaraú, Santa Quitéria, São Benedito, São Gonçalo do Amarante, Tabuleiro do Norte, Ubajara e Várzea Alegre. São cidades com população igual ou superior a 30 mil habitantes. Mombaça havia, até então, sido a única cidade do Interior, em tais condições a ter uma equipe do BPRaio no combate ao crime.

TREMEI PREFEITOS!!!

O Ministério Público Estadual (MPE) retomou a caçada àqueles gestores públicos que gostam de embolsar dinheiro dos Municípios. Através da sua Procuradoria de Combate aos Crimes Contra a Administração Pública (Procap), o MP-CE deu início a uma série de operações em prefeituras onde há provas ou indícios de fraudes em licitações e outras falcatruas. Na quinta-feira o alvo foi o Município de Tauá, na Região dos Inhamuns; e Beberibe, no litoral Leste. Nesta sexta, a batida policial e prisão de quatro vereadores aconteceu em Capistrano. E o MP já avisou que não vai parar por aí. Outros Municípios já estão na mira das operações da Procap junto com as polícias Civil e Militar. A lista é grande e nos próximos meses muita gente grande vai conhecer o “gosto” da cadeia.

E TEM MAIS!!!

* Quarenta e três Municípios cearenses já receberam o sistema de vídeo-monitoramento urbano. São câmeras espalhadas pelas ruas, praças e avenidas para vigiar os logradouros e evitar a ação de criminosos. A mais recente cidade onde foi instalado o sistema foi Mombaça, nos Inhamuns.

* E a situação carcerária no Ceará está ficando cada vez mais difícil. A massa de presos não pára de crescer. Agora, já são quase 29 mil detentos e destes, 76 por cento são os chamados presos provisórios, aqueles que ainda aguardam julgamento. NO total, 24, 5 mil estão no regime fechado.

* Segundo dados do Sindiônibus, os assaltos voltaram a atormentar a população que precisa usar o transporte coletivo para se deslocar pela Capital. Houve um aumento recente de 30 por cento dos casos de assaltos. O Sistema opera hoje com 1.950 ônibus em sete terminais da cidade.

* Segundo estudo do Instituto de pesquisas Econômicas Ampliadas (Ipea), cerca de 20 mil pessoas foram assassinadas no Ceará no período de 10 anos (entre 2006 e 2016). São números de uma verdadeira guerra. Desses 10 anos, oito abrangem a gestão de Cid Gomes e dois de Camilo Santana.

* Cerca de 30 pessoas ficaram feridas – muitas em estado grave – em decorrência do desabamento de um camarote durante um show do cantor de forró “Xand Avião”, na cidade de Mossoró (RN). O fato ocorreu na madrugada de hoje. Algumas pessoas ficaram presas em grades da estrutura.

* Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos da Segurança Pública e do Sistema Penitenciário (CGD) está com mais um abacaxi nas mãos para descascar: a denúncia de que policiais do BPRaio teriam torturado e causado a morte de uma mulher em Paracuru. Procede??? Investigação em curso.

E A PERGUNTA DO DIA: (De novo!!) Cadê a Força-Tarefa que veio de Brasília para ajudar a Polícia do Ceará a desmontar as facções e o crime organizado neste estado???

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar