Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2018

3.649 em 24/9/2018  

Ceará chega a 3 mil homicídios em 2018 com mulher assassinada na Capital

Marcieli

Marcieli Teixeira foi executada com vários tiros na cabeça, numa típica execução sumária

Marcieli 3

Com a morte de Marcieli o número de mulheres assassinadas no Ceará chega a 293 em 2018

foi a Uma mulher foi assassinada, a tiros, na manhã desta quarta-feira (8) nas ruas do bairro Cais do Porto, no Grande Mucuripe, na Zona Leste de Fortaleza. O assassinato de Marcieli Teixeira fez o estado do Ceará chegar nesta data a três mil homicídios registrados em exatos sete meses e oito dias de 2018.

O crime de morte de número 3.000 no estado neste ano ocorreu por volta de 10 horas na Avenida Vicente de Castro, próximo à sede da Capitania dos Portos. Marcieli era uma ex-presidiária e havia convivido com um traficante de drogas da área, conhecido por “Tetê da Estiva”, assassinado há cerca de dois meses no mesmo bairro. A mulher era suspeita de ter envolvimento na trama que culminou na morte do companheiro.

Policiais militares do 22º BPM (Papicu) e do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) estiveram no local do crime para preservar a cena do crime e buscar as primeiras informações que possam ajudar na elucidação do crime com a identificação de seus autores. Logo depois, compareceram ao local equipes da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) e da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Marcieli foi morta com vários tiros de pistola na cabeça, caracterizando uma execução sumária. A mulher caminhava em direção à sua residência quando foi surpreendida pelos assassinos e não teve tempo de fugir da emboscada, sendo executada na calçada. Com isso, chega a 293 o número de mulheres assassinadas no Ceará neste ano no Ceará.

Outro crime

Também na manhã desta quarta-feira ocorreu mais um crime de morte em Fortaleza. Dois homens foram baleados na porta de um condomínio onde um deles morava, na Rua Betel, bairro Itaperi, na zona Sul da cidade. Um deles tombou morto no local e o outro socorrido, em estado grave, por populares para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro. As vítimas não foram ainda identificadas.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar