Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

315 em 19/2/2019  

Depois da fuga da delegacia, preso se entrega à Polícia dizendo estar "arrependido"

algemado1

Já estão novamente atrás das grades dois dos oito presos que fugiram da carceragem da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), localizada na Avenida Godofredo Maciel, no bairro Maraponga, na noite de sábado passado (13). Um deles foi capturado por policiais militares ainda na madrugada de hoje. O segundo, decidiu se entregar espontaneamente às autoridades, hoje à tarde, se dizendo “arrependido” de ter participado da evasão.

O preso, identificado como Tiago de Oliveira de Carvalho, acusado de participação em uma quadrilha de ladrões de veículos, se apresentou na sede da DRFVC e disse que não foi o responsável pela fuga, mas que, “apenas aproveitou a oportunidade” quando viu os demais detentos escapar. Hoje, menos de 24 horas após a fuga, ele voltou para a Especializada. Tiago deverá ser ouvido em depoimento nesta segunda-feira (15).

O diretor do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM), delegado Jairo Façanha Pequeno, informou neste domingo ao blogdofernandoribeiro.com.br que, além de Tiago, outro detento, até então foragido, foi recapturado ainda durante a madrugada passada. Trata-se de Luís Carlos de Souza Santos. A operação policial que culminou na localização do fugitivo aconteceu no bairro Conjunto Araturi, no Município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Outros seis presos continuam desaparecidos e sendo procurados pela própria Polícia Civil com o apoio da Coordenadoria Integrada de Inteligência (Coin), da Secretaria da Segurança Pùblica e Defesa Social (SSPDS).

A fuga dos oito detentos aconteceu por volta de 20 horas de sábado, depois que um deles rendeu um inspetor da Especializada e tomou sua pistola, arma funcional de calibre Ponto 40 (0.40). Antes, os presos haviam serrado as grades de um dos xadrezes.

Um assalto

Já na rua, parte dos foragidos praticou um assalto na Avenida Benjamin Brasil e roubou o carro de um homem que passava ali em direção à Perimetral. “Um deles apontou uma arma pra mim”, disse a vítima. O carro roubado, um Santana, não foi ainda localizado.

Além da própria Polícia Civil, a Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos da Segurança Pùblica e do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (CGDOSPSPECE) deverá abrir sindicância sobre o episódio.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar