Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2018

4.584 em 10/12/2018  

Batalhão Raio bate recorde nacional e apreende duas mil armas de fogo no Ceará em 2018

Marcio 2

De janeiro até agora, o BPRaio efetuou 3.689 prisões em Fortaleza e mais 40 cidades cearenses 

Márcio 1

Coronel PM Márcio Oliveira, comandante do BPRaio, ressalta o empenho e a preparação de sua tropa para as ações de combate ao crime. O Raio conta atualmente com cerca de dois mil policiais, 1.340 motocicletas e 74 viaturas

Os números impressionam. As estatísticas das operações realizadas pelo Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) neste ano de 2018 já bateram o recorde de 2017. Mais de duas mil armas de fogo já foram apreendidas no Ceará, além de 3.689 prisões efetuadas. Os dados são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Segundo órgão, até setembro, as equipes do BPRaio haviam apreendido 1.647. Em outubro e novembro o ritmo das apreensões não caiu e no último dia 14 (quinta-feira), véspera do feriado da Proclamação da República, a arma de número 2 mil foi confiscada pelo BPRaio, um revólver de calibre 38 que estava nas mãos de um bandido localizado em um condomínio no bairro Araturi, no Município de Caucaia. Em 2017, o Raio apreendeu em todo o ano, 1.401 armas de fogo e efetuou 3.179 prisões.

Hoje, o Batalhão Raio é composto por mais de dois mil homens e está presente em Fortaleza e mais 40 cidades da Região Metropolitana da Capital e no Interior. A unidade de elite da PM conta com 212 equipes, que utilizam no patrulhamento diário das cidades 1.340 motocicletas e 74 viaturas de condução de presos.

O comandante do BPRaio, coronel PM Márcio Oliveira, explica que um dos fatores para o grande número de apreensões se deve ao processo de interiorização do batalhão. “Nossos policiais se empenham ao máximo no tocante às abordagens, objetivando tirar de circulação não só as armas de fogo, mas drogas e indivíduos com mandados de prisão em aberto e outros infratores apanhados em flagrante. Essa mais de duas mil armas supera em muito as 1.401 apreendidas em 2017, um recorde de apreensões, uma quantidade elevada se comparada às realizadas no restante do País”, acentuou.

Veja a seguir os números do Batalhão Raio em 2018:

2.000 armas de fogo apreendidas

3.649 prisões efetuadas

2.000 policiais na tropa/efetivo

1.340 motocicletas na frota do batalhão

74 viaturas na frota do batalhão

40 cidades sendo patrulhadas, além da Capital

212 patrulhas (equipes) em atuação no estado

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar