Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

1.510 em 19/8/2019  

Polícia faz megaoperação, mas bandidos não se intimidam e praticam mais ataques na Grande Fortaleza

Via Metro 1

Em Maracanaú, um ônibus foi incendiado no Conjunto Jereissati. A Polícia deteve um suspeito 

Mesmo com uma megaoperação realizada em toda a Grande Fortaleza, mobilizando um efetivo de centenas de policiais civis e militares, bombeiros, peritos, policiais rodoviários estaduais e federais, além da Força Nacional de Segurança (FNS), as autoridades da Segurança Pública do Ceará não conseguiram frear a onda de ataques criminosos na Capital cearense e região Metropolitana. Ao menos, três veículos foram incendiados nesta sexta-feira (25), no 24º dia de atentados praticados pelo crime organizado.

A sequência de ataques nesta sexta-feira (25)teve início ainda no período da manhã. Era por volta de 6h30 quando bandidos, ainda desconhecidos, incendiaram uma van, no bairro Dias Macedo. O veículo ficou totalmente destruído pelas chamas e os autores do atentado conseguiram fugir sem que fossem identificados pela Polícia.

À tarde, mais dois atentados ocorreram na Região Metropolitana de Fortaleza. O primeiro aconteceu na Avenida 8 do Conjunto Jereissati, no Município de Maracanaú. Usando bombas incendiárias ou coquetéis molotov, bandidos atearam fogo em um ônibus pertencente à empresa Via Metro, de prefixo 702. O coletivo ficou completamente destruído.

Incendiados

Logo depois, um segundo coletivo foi atacado e incendiado. O caso aconteceu quando criminosos atearam fogo no ônibus de prefixo 14904, que fazia a linha Parque São João-Siqueira. O veículo teve perda total. O incidente ocorreu no bairro Jardim Jatobá, no Grande Bom Jardim, próximo ao local onde, na semana passada, outro veículo (prefixo 14101) da mesma linha e da mesma empresa (Siará Grande) também foi destruído por um incêndio criminoso.

Segundo apurou a Polícia Militar, o ataque foi praticado por cinco homens armados. Um deles entrou no coletivo e colocou uma arma na cabeça do motorista e o obrigou a parar o veículo e desembarcar. Logo em seguida, os comparsas jogaram combustível e fogo no ônibus.

Minutos depois deste segundo ataque, um suspeito de envolvimento no primeiro atentado foi detido por policiais militares e encaminhado à Delegacia Metropolitana de Maracanaú (DMM), onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante. Os dois coletivos destruídos passaram por uma vistoria feita por profissionais da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce).

Ataques criminosos na sexta-feira (25.1.2019)

1 – Van incendiada no bairro Dias Macedo

2 – Ônibus da empresa Via Metro incendiado na Av. Oito do Conjunto Jereissati (MARACANAÚ)

3 – Ônibus da empresa Siará Grande incendiado no bairro Jardim Jatobá (CAPITAL)

Por FERNANDO RIBEIRO, Jornalista

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar