Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

708 em 18/4/2019  

Mais três mulheres são assassinadas no Ceará. Somente neste mês já são 17 casos

Juazeiro - mulher morta 002Chorozinho - mulher morta 2 002

Fernanda, assassinada em Juazeiro FOTO: Agência Miséria    Adriana, morta em Chorozinho

Subiu para 17 o número de mulheres assassinadas no Ceará somente em 16 dias do mês de maio. Nas últimas 24 horas, foram registrados mais três crimes. As vítimas acabaram executadas a tiros. Uma delas, em uma suposta tentativa de assalto. Outra, foi fuzilada no meio da rua por bandidos ainda não identificados. A terceira, assassinada na porta de casa. Desde o começo do ano, 114 mulheres foram vítimas de homicídios e latrocínios no Estado.

Os crimes das últimas 24 horas ainda estão sendo investigados pela Polícia e não há pistas sobre os criminosos.

Era por volta de 20 horas de sexta-feira (15), quando bandidos, ainda não identificados, tentavam assaltar veículos que passavam pelo Triângulo de Chorozinho, na BR-116, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Naquele momento, uma família seguia de carro de Fortaleza em direção à sua terra natal, a cidade de Limoeiro do Norte (a 176Km de Fortaleza), quando os criminosos atiraram para forçar o veículo parar.

Um dos tiros atingiu o automóvel Hyundai HB20S, onde estava um casal, a filha de apenas 5 anos de idade, e a cunhada da mãe da criança. Uma das balas acabou por atingir Adriana de Sousa Lima, 39 anos. Ferida, ela foi levada pelo marido até o Hospital de Chorozinho, afirmando estar passando mal. Contudo, quando os médicos a examinaram descobriram a lesão a bala nas costas. Minutos depois, Adriana faleceu.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a mãe estaria no banco traseiro do veículo e o projétil atravessou o porta-malas do carro, atingindo as costas da passageira. Os assassinos estão foragidos.

Segundo caso

Cerca de duas horas depois, ocorreu o segundo assassinato de mulher. A Polícia foi chamada até a Rua 4 de Julho, no Conjunto São Cristóvão, bairro Jangurussu (zona Sul de Fortaleza) depois de um tiroteio. Quando os PMs apareceram no local, já se depararam com uma vítima sem vida. A mulher assassinada foi identificada por Sílvia Helena da Silva, de 42 anos. O caso ainda está sem esclarecimento.

Terceiro caso

Já na tarde deste sábado (16), um crime de morte, com características de pistolagem assustou quem transitava pelo Centro da cidade de Juazeiro do Norte, na Região do Cariri. Dois homens em uma motocicleta modelo Fan, de cor branca, abriram fogo contra uma jovem.

O crime ocorreu quando Fernanda Ticiane Rocha Gomes, de apenas 21 anos de idade, acabava de sair de seu local de trabalho. Ela era vendedora em uma banca no Mercado Central, situado na Rua Coronel Adauto Bezerra. Ao chegar na esquina das ruas Santa Luzia e São Paulo, a jovem sofreu a emboscada. Os dois homens dispararam vários tiros. Fernanda teve morte instantânea. A Polícia não sabe ainda o que motivou o crime nem identificou seus autores.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar