Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

315 em 19/2/2019  

Policial civil e bandidos morrem em tiroteio durante assalto em Fortaleza

Iphone 8.5.2015 B 039

Um dos assaltantes foi achado morto dentro do carro usado na fuga da quadrilha

Iphone 8.5.2015 B 026

Outro envolvido no assalto também foi baleado e morreu no IJF-Centro

Iphone 8.5.2015 B 065

O bandido foi filmado pelas câmeras da lan house e acabou sendo baleado na fuga

 

Iphone 8.5.2015 B 071

Inspetor Márcio Rios, vítima do latrocínio na lan house

Iphone 8.6.2015 C 010Iphone 8.6.2015 C 016

Assaltante foi identificado como  Williamdilson dos Santos Araújo

Um assalto seguido de troca de tiros teve um desfecho trágico na tarde desta segunda-feira (8) em Fortaleza. Bandidos atacaram um policial civil para roubar sua arma. O servidor reagiu, ocorrendo, então, o tiroteio. O policial foi atingido com um tiro na cabeça e morreu minutos depois no hospital. Um dos ladrões também foi baleado e abandonado sem vida pelos comparsas dentro de um carro, na zona Oeste da Capital. Outro faleceu no IJF-Centro.

O assalto aconteceu por volta de 12h55, na Rua João Tomé, no bairro Monte Castelo. O inspetor da Polícia Civil, Antônio Márcio Rios de Souza estava numa lan house quando o local foi invadido pelos assaltantes. Um deles, percebeu o inspetor armado e logo deduziu tratar-se de um policial. Nesse instante, ele atirou e o policial reagiu. Na troca de tiros, dois ladrões foram baleados, mas fugiram assim mesmo. Com o policial ferido, a quadrilha sumiu do local em um veículo Fox vermelho de placas OSO-4105, inscrição de Caucaia.

Com um tiro na cabeça, outro nas costas e o terceiro na coxa, o inspetor foi socorrido por policiais militares do Ronda do Quarteirão para o IJF-Centro. Ele ainda deu entrada no setor de emergência, sendo entubado na sala de reanimação, mas não resistiu.

A Polícia Militar e a Polícia Civil montaram um cerco na área Oeste de Fortaleza. Cerca de meia hora depois, o carro usado na fuga foi encontrado no cruzamento da Avenida Major Assis com a Rua E, no bairro Vila Velha. Dentro dele estava um dos bandidos, já morto. Ele foi identificado como Fagner Eysenhower Tomaz de Aquino, 34 anos, que possuía uma extensa ficha de crimes, entre eles, tentativa de assassinato, roubo de cargas e porte ilegal de armas.

Detidos

Nas buscas ao restante da quadrilha, os policiais cercaram os bairros Vila Velha, Jardim Guanabara, Antônio Bezerra e Quintino Cunha, conseguindo localizar os criminosos na comunidade conhecida como Turmalina, na Rua Emanuelly, no Quintino Cunha. Um deles estava baleado e foi também levado para o IJF-Centro, onde morreu. Tratava-se de Williandilson dos Santos Araújo. Duas armas, incluindo a pistola do inspetor, foram apreendidas.

Um quarto envolvido no crime foi localizado em Maracanaú.

Veja lista de policiais mortos no Ceará em 2015

01 – 14/01 - SAMUEL RODRIGUES TABOSA, 34 anos, soldado da Polícia Militar, tentativa de assalto e morte na porta de casa, na Rua 15 do Conjunto Prefeito José Walter. Estava fardado e chegava em casa após o turno de trabalho. Três homens armados.

02 – 28/01 – TONY ÍTALO LIMA PINHEIRO, policial civil (inspetor), lotado no 34º DP (Centro), baleado e morto em uma tentativa de assalto na Rua Monsenhor Salazar, no bairro Pio XII. Quatro assaltantes, todos identificados e presos.

03 – 02/03 – SELBIANO FREIRE BARROSO, 48 anos, soldado da Polícia Militar, assassinado durante assalto a um cartório localizado na Rua Paurílio Barroso, na Maraponga. Bandidos foram presos em flagrante pelo BPRaio.

04 – 08/06 – ANTÔNIO MÁRCIO RIOS DE SOUSA – policial civil (inspetor), lotado na Delegacia de Acaraú, baleado e morto durante assalto a uma lan house localizada na Rua João Tomé, no bairro Monte Castelo, em Fortaleza. Dois bandidos também morreram e dois presos.

Comentários   

 
0 #2 emanowel 13-06-2015 00:50
cara nao sou policial mais estou muito revoltado com os crimes de asalto em fortaleza a policia deveria agir com mais rigor com mais abordagem veja so quem trabalha mais com abordagem e a equipe do raio nos aqui em fortaleza como no interior temos policias bastante e so eles serem obrigado a pararem as viaturas que nao estao em ocorencia e os policias ficarem fora da viatura e pararem todo mundo que viensem andaddo sem exeçao vinte e quatro horas eu tenho certeza que nao acabarria com os asaltos mais diminuia 70 por cento
Citar
 
 
0 #1 Ana Moreira 08-06-2015 20:44
Enquanto DEUS não providencia o Juízo Final, os homens de bem antecipam esse encontro! Bandidos não são humanos! A justiça do mundo não é humana! Voltamos aos tempo de Moisés: olho por olho; dente por dente. Poupar a vida do lobo é colocar a vida da ovelha em risco!
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar