Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

708 em 18/4/2019  

Em menos de um mês, oito policiais militares são feridos a tiros por bandidos no Ceará

Revólver2

Oito policiais militares foram baleados em menos de um mês no Estado do Ceará. A maioria absoluta dos casos ocorreu quando os PMs estavam de folga ou faziam o trajeto de ida para o trabalho ou voltavam para casa.Nas últimas 48 horas, pelo menos mais três casos foram registrados.

Na manhã de domingo (7), um policial do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) foi atacado por bandidos na porta de casa, no bairro Rodolfo Teófilo. Ele chegava em casa depois do trabalho, quando foi surpreendido pelos ladrões, que planejavam roubar seu carro. Houve reação e o PM acabou ferido.

No mesmo dia, à noite, outro militar, pertencente ao Pelotão de Motos do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), também foi atingido a tiros. O caso aconteceu no bairro de Fátima logo após o PM deixar a esposa, grávida, num hospital particular. O PM permanece internado.

Ontem, segunda-feira (8), outro militar foi baleado na mão ao atender a uma ocorrência na cidade de Sobral. Um homem reagiu à prisão e conseguiu ferir o militar.

Outros casos

No último dia 13 de maio, o soldado PM Higor Kaleb Scarcella Pereira, lotado no 5 BPM, foi baleado por agentes da Polícia Federal no momento em que dois colegas de farda estavam sendo detidos pelos “federais” em um posto de combustíveis, no bairro Henrique Jorge. Acreditando queos companheiros de farda estavam sendo assaltados, Kaleb atirou nos agentes (que estavam à paisana) e estes reagiram, ferindo o PM.

No dia 1º de junho, outro policial militar foi baleado ao reagir a uma tentativa de “chegadinha” bancária no bairro João XXIII. Ele chegava numa agência da caixa Econômica Federal quando foi atacado por dois bandidos em uma moto. Houve reação e o militar acabou recebendo um tiro no braço.

Já no dia 28 de maio, o soldado PM Eudes Ferreira, destacado na Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops),  foi baleado durante uma luta corporal com um homem após o suspeito tentar agredir o motorista do ônibus em que ele e o PM viajavam, na Avenida Washington Soares, no bairro Água Fria. Em consequência do tiro, o militar ficou paraplégico e permanece internado no IJF.

Mais dois PMs foram baleados em tentativas de assalto neste mês.

Morte

Na tarde de ontem, um policial civil morreu ao reagir a um assalto dentro de uma lan house no bairro Monte Castelo, na zona Central de Fortaleza.O Inspetor Antônio Márcio Rios de Souza foi atingido com, pelo menos, três tiros e não resistiu. Dois assaltantes acabaram também mortos. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar