Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro Mortes no Ceará 2017

4.004
Atualizado em 20/10/2017

Homem é fuzilado na calçada de agência bancária na Praia de Iracema

Praia de Iracema 1 Praia de Iracema 4

Vítima foi morta na presença de várias pessoas na porta do bando

Um homem foi assassinado, a tiros, no começo da tarde desta quarta-feira (13), na calçada da agência da Caixa Econômica Federal, localizada na Avenida Historiador Raimundo Girão, na Praia de Iracema. Testemunhas afirmam que foram disparados vários tiros e os criminosos fugiram do local em um veículo não identificado.

Balanço final do feriadão de 7 de Setembro aponta 63 mortes violentas no Ceará

HOmicídio 333

Somente em Fortaleza, 22 pessoas foram assassinadas durante o fim de semana prolongado

Sessenta e três pessoas tiveram morte violenta no fim de semana prolongado da Independência em todo o estado do Ceará.  Os números finais do balanço referente ao período entre os dias 7 e 10 de setembro (entre quinta-feira e o domingo) indicam o registro de 52 homicídios e mais 11 mortes decorrentes de acidentes de trânsito.

Dezoito presos escaparam do Complexo das Delegacias Especializadas durante uma rebelião

Code - fuga

Na tarde de ontem foi iniciada a restauração das grades das celas, arrancadas pelos presos

Dezoito presos fugiram da carceragem do Complexo das Delegacias Especializadas (Code), órgão da Polícia Civil do Ceará, localizado no bairro de Fátima, em Fortaleza, durante o motim ocorrido na madrugada desta segunda-feira (11). O número exato de foragidos só foi oficializado pela instituição na tarde de ontem, após uma recontagem realizada com o apoio da Polícia Militar.

Vigilantes ficam feridos na colisão de carro-forte com Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT)

Carro forte  hoje - vigilante ferido

Um dos vigilantes é retirado de dentro do carro forte com sangramento no rosto

Carro-forte  hoje 1

O impacto foi da colisão foi tão forte que o blindado foi arrastado e virou ao lado da linha férrea

Quatro vigilantes ficaram feridos em conseqüência de um acidente de trânsito ocorrido na manhã desta segunda-feira (11), na passagem de nível localizada na Avenida Luciano Carneiro, no bairro Vila União, a poucos metros do antigo setor de embarques do Aeroporto Pinto Martins, em Fortaleza.

Facção invade casa de traficante no Lagamar, fuzila inimigo e joga uma granada militar de fragmentação

Lagamar 1

O Esquadrão Anti-Bombas do Gate usou um robô para recolher o artefao jogado pelos criminosos

Lagamar 2

A granada de fragmentação, se explodisse, causaria destruição em um raio de até 20m

Uma granada militar de fragmentação, arma de guerra de uso privativo das Forças Armadas, foi jogada, no começo da madrugada desta segunda-feira (11), por membros de uma facção criminosa em direção a uma casa, no bairro Lagamar, logo após uma quadrilha invadir o local e matar uma pessoa e deixar outra baleada.

Primeiro balanço parcial do feriadão no Ceará aponta 47 mortes violentas. Números podem subir

Juazeiro - morador de rua morto

Em Juazeiro do Norte, Geovani Gomes Flor, o "Hulk", morador de rua, foi  executado a tiros

Maranguape  1 Jaguaribe 2 Messejana

Vitória (morta em Maranguape)    Kauã (morto em Jaguaribe)     Marcelina (morta em Messejana)

Acaraú - casal

Carlos Renê Rodrigues e Cristina Coelho de Andrade, mortos a tiros num bar, em Acaraú

Mãe e filha - Tianguá acidente Sirlany -0 Quixadá

Antônia e a filha Amanda morreram em acidente em Tianguá. Sirlany em colisão, em Quixadá

O primeiro balanço parcial relativo ao fim de semana prolongado da Independência revela que, em quatro dias – entre quinta-feira (7) e o domingo (10) – ao menos, 47 pessoas tiveram morte violenta em todo o estado do Ceará. Neste período foram registrados 38 casos de assassinatos e mais nove mortes decorrentes de acidentes de trânsito, além do caso de uma criança morta por afogamento na Capital.  Entre os mortos estão sete mulheres, três crianças e um policial militar. Cinco duplos homicídios também foram praticados.

PM morto durante assalto no Montese é o 24º agente da Segurança Pública assassinado em 2017 no Ceará

 

Sargento 1 Sargento 2

Um suspeito de matar o PM foi preso com um revólver calibre 38, e levado para a DHPP

Subiu para 24 o número de agentes da Segurança Pública mortos no Ceará neste ano. A mais recente vítima foi um policial militar. Era o 3º sargento da Reserva Remunerada da Polícia Militar, Luiz Lourenço da Silva. Ele acabou morto numa troca de tiros com bandidos numa tentativa frustrada de assalto em Fortaleza, na noite do domingo (10).

Reportagem revela sucateamento da Polícia Civil

Intermitente piscandoIntermitente piscando

SIRENE ABERTA Fernando Ribeiro

BOs 2

Redistribuição de inquéritos e aumento de áreas das delegacias eleva a taxa de assassinatos sem esclarecimento, denunciam policiais e delegado

Pegou bem mal para a Segurança Pública do Ceará a reportagem que foi ao ar na Televisão Verdes Mares, no telejornal CE-TV 1ª Edição, da última quarta-feira (6). A matéria mostrou de forma incontestável o estado de abandono ou sucateamento em que se encontra a Polícia Civil do Ceará. As delegacias estão abarrotadas de inquéritos sem investigação, por absoluta falta de pessoal.

Na matéria foi colocada uma entrevista do experiente delegado Wilder Brito, titular do 16º DP (Dias Macedo). Ele recebeu, recentemente, um pacote com dezenas de inquéritos que antes estavam na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e foram redistribuídos por força de uma recente portaria baixada pelo secretário da Segurança Pública, André Costa. Falando de forma sincera, Brito disse que sequer teve tempo de abrir o pacote, diante de tanta demanda na distrital, mas de antemão informou que vai pedir novos prazos ao Ministério Público e à Justiça para apurar os crimes que deveriam já estar esclarecidos há muito tempo.

E foi mais além, falou do redimensionamento das áreas de competência de cada delegacia (jurisdição). O 16º, por exemplo, que era responsável por quatro bairros, passou agora a responder por 14 e o rendimento no esclarecimento dos crimes de morte desceu a ladeira; “Entre 2015 e 2016 registramos na nossa área 14 homicídios e esclarecemos 18, uma média de 90 por cento de resolução. Agora, em 2017, já foram registrados 28 assassinatos e só esclarecemos quatro, uma queda para apenas 14 por cento”.  Já o Sindicato dos Policiais Civis do Ceará (Sinpol) diz que apenas 10 por cento dos Boletins de Ocorrência (B.O.) geram investigação e destes 10 por cento, apenas 20 por cento chegam ao esclarecimento do delito.  É a falência de uma instituição.

VERBAS NAS ALTURAS

Helicóptero em manutenção

 

Custa caro a manutenção das aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). Ainda assim, o governo do estado continua realizando investimentos no setor, ao anunciar, recentemente, a aquisição de mais dois helicópteros para a frota de aeronaves daquela corporação.  No Diário Oficial do Estado do Ceará, em sua mais recente edição, foi publicado um aditivo do contrato entre o governo do Estado, através da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), com a empresa helibrás.  Serão gastos, nada menos, que R$ 7 milhões para o fornecimento e aplicação de peças e componentes de manutenção para as aeronaves que estão em operação. O contra to que era de R$ 6,2 milhões sofre reajuste de 17,28 por cento, chegando a R$ 7,2 milhões.

HAJA AULA!

Aesp

A Academia Estadual da Segurança Pública do Ceará (Aesp) tem muito trabalho pela frente. Além de realizar os cursos de formação para os novos integrantes da Polícia Militar, aprovados no concurso que seria, então, para o Ronda do Quarteirão (projeto extinto),  vai realizar outras frentes de formação e aperfeiçoamento para a tropa da PM. Estão previstos os cursos de Controle de Distúrbios Civis, de Habilitação a Oficiais da PM e do Corpo de Bombeiros Militar e o Curso de Especialização em Policiamento com Motocicletas. Este último será destinado aos novos integrantes do Batalhão Raio (BPRaio). Também está em andamento o 12º Curso de Operações Especiais, destinado aos policiais militares do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque).

ZONA DE GUERRA

Pistola hoje 2

 

Uma verdadeira “zona de guerra” se estabeleceu no limite entre os Municípios de Maracanaú e Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).  Ali, quadrilhas brigam pelo controle de território para a venda de drogas, prática de roubos e outros delitos. Resultado, os tiroteios têm se intensificado nos últimos dias, deixando os moradores e comerciantes estabelecidos na área como verdadeiros reféns do medo. Entre segunda-feira e quarta, foram muitos tiros e, ao menos, seis pessoas acabaram mortas.  Um desses embates envolveu a Polícia Militar e um grupo de traficantes  procedentes da cidade de Limoeiro do Norte. O resultado foi a morte de um dos criminosos. A população está apavorada, principalmente as dos conjuntos Jereissati Dois e Três.

PARQUELÂNDIA INSEGURA

Parquelândia

 

Quem também andam apavorados são os comerciantes e moradores do bairro Parquelândia, em Fortaleza. Após uma pequena trégua, os assaltos à mão armada aos transeuntes e os roubos de veículos voltaram a ocorrer ali com uma intensa freqüência nos últimos dias.  A proliferação de bares, restaurantes, pizzarias, lanchonetes e outros tipos de estabelecimento tem também levado ao bairro a insegurança. Vários pontos comerciais foram atacados nas últimas horas, principalmente nas ruas Azevedo Bolão, Professor Nogueira, Gustavo Sampaio, Padre Guerra, Cruz Saldanha, Professor Anacleto, Raimundo Arruda e José de Barcelos, as mais movimentadas do lugar.  E pasmem: todas essas vias ficam no entorno da sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, onde também está instalada a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

COMBATE NAS RUAS

Comandantes

 

A Polícia Militar vai reforçar a ação de patrulhamento nos bairros considerados de maior incidência criminal.  O reforço vem da recente turma de PMs que compõem a Força Tática de Apoio.  O grupo foi bem formado, com treinamentos ministrados por oficiais especialistas do Batalhão de Polícia de Choque (BpChoque). O comandante-geral da PM, coronel Ronaldo Viana, acredita que esse trabalho trará bons frutos especialmente no combate ao tráfico de drogas, que é o principal motivador de tantas mortes em Fortaleza. Aliás, o coronel-comandante participou das solenidades em homenagem ao 7 de Setembro. Acompanhou todo o desfile ao lado do comandante-adjunto, coronel Adriano Moura Soares; e do secretário-executivo do Comando-Geral, coronel Vandesvaldo de Carvalho. 

PRAIA DAS DROGAS

Crush

 

Moradores e comerciantes da Praia de Iracema estão muito preocupados com a violência que pode ser instalar no calçadão próximo ao antigo Estoril. É que nas últimas semanas  tem se visto o aumento de consumo de bebidas e drogas no calçadão onde uma parte do passeio está sendo ocupado diariamente por centenas de pessoas, que denominam o local como “Praia dos Crush”. Em julho, um jovem foi baleado e morto no local. Arrastões também já foram registrados. O consumo de entorpecentes a céu aberto já não é mais novidade para ninguém que passa diariamente pelo local. Quem faz a festa são os traficantes da favela Baixa Pau. Nunca venderam tantas pedras de crack e muita maconha como agora. Já já, vai virar uma cracolândia na Beira-Mar. Cadê a Polícia?

E TEM MAIS!!!

* Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foi também destaque no desfile do 7 de Setembro na Avenida Beira-Mar, com a apresentação das novas viaturas que estarão à serviço dos núcleos da Capital e cidade dos Interior. Perito-geral, Ricardo Macedo, tem realizado uma gestão de excelência.

* A instalação de uma delegacia específica para apurar crimes contra os agentes da Segurança Pública do Ceará foi uma inovação no País e está dando certo. Na semana passada, a equipe da unidade, que faz parte da DHPP, prendeu rapidamente dois bandidos. Um deles matou um sargento PM da Ciopaer. O outro assaltou e esfaqueou um soldado PM do BPTur.

* A Procuradoria de Justiça do Ceará (Ministério Público) recebeu a visita do chefe da Casa Militar do governo do Estado, coronel PM Túlio Studart. Ele foi recebido pelo procurador geral, Plácido Rios. Um dos temos da conversa, foi a segurança dos membros da instituição.

 * O Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon) vai realizar  um ciclo de palestras sobre direitos do consumidor, em comemoração aos 27 anos do Código de Defesa do Consumidor (CDC). O evento acontece na  segunda-feira (11/09), a partir das 8h30, na sede da instituição, na Rua Barão de Aratanha, 100, Centro.

* Denúncia gravíssima: drogas e bebidas alcoólicas  são consumidas dentro dos ônibus que levam os egressos do Sistema Penitenciário, da praça da Estação até os complexos de Aquiraz e Itaitinga, de acordo com as denúncias feitas por motoristas que faz o transporte desse pessoal.

Exclusivo: preso em Madalena estudante de Direito que matou o porteiro do condomínio e ocultou o corpo num sítio

Ivo Jucá Porteiro 2 - vítima

Ivo Jucá confessou o crime e estava foragido       O porteiro Roberto Ribeiro foi morto a tiros

Socorro Portela 4 

Delegada Socorro Portela, na época diretora da DHPP, desvendeou o crime com sua equipe

Após quatro meses foragido da Justiça, o estudante de Direito Ivo Santos Jucá, 27 anos, foi preso pela Polícia na cidade de Madalena, no Sertão Central (a 182Km de Fortaleza).  Acusado de ter assassinado o porteiro do prédio de classe média alta onde morava, em Fortaleza, Ivo estava escondido na casa de familiares, mas acabou preso neste 7 de setembro e deverá ser recambiado para a Capital.

Secretários de Segurança do Nordeste questionam dados do Anuário da Violência sobre a criminalidade na região

Intermitente piscandoIntermitente piscando

SIRENE ABERTA Fernando Ribeiro

Anuário

 

Presidente do Conselho de Segurança pediu "explicações"  

O Conselho de Segurança Pública do Nordeste (Consene), órgão integrado pelos secretários da Segurança dos nove estados da região, decidiu “peitar” o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, responsável pela publicação do Anuário da Violência no Brasil. O presidente do Conselho, Maurício Teles Barbosa, secretário da Segurança da Bahia,  enviou um “pedido de explicações”, para saber que tipo de metodologia e qual a base de dados que o Fórum usa em suas pesquisas.

Barbosa diz que, “todos os anos somos bombardeados com pesquisas que colocam que colocam estados e cidades nordestinas como as mais violentas do país e do mundo. É uma inverdade que prejudica a nossa região em todos os sentidos”.

Em resposta, o Fórum informou que, “mesmo com a criação do Sistema Nacional de Informações da Segurança Pública, o Ministério da Justiça e da Segurança Pública não logrou êxito em coordenar esforços metodológicos de classificação das ocorrências policiais e o referido sistema hoje não apresenta dados confiáveis”. Em outras palavras, se o Anuário da Violência usa dados do MJ para divulgar seus dados e, ao mesmo tempo, diz que esses dados não são “confiáveis”, a credibilidade da publicação cai por terra. Resumo da ópera: o Brasil não sabe verdadeiramente a quanto andam os índices de sua criminalidade. E no Ceará não é diferente. Os dados apresentados pela SSPDS passam longe da realidade da violência no estado.

O roubo de cargas no Brasil tornou-se um dos “negócios” mais rentáveis para as quadrilhas especializadas neste tipo de crime.  Segundo dados da Associação Nacional de Transporte Rodoviário de Cargas e Logística (NTC&Logística), no ano passado foram registrados, nada menos, que 24.563 casos de roubos de cargas, totalizando um prejuízo de R$ 1,36 bilhões. Isso representa um aumento de 27,5 por cento em comparação a 2015. A região Nordeste aparece em segundo lugar no ranking do roubo de cargas no Brasil (1.371 ocorrências no ano passado), ficando atrás somente do Sudeste que sozinho, responde por 84,6 por cento do total de ocorrências do gênero.  As cargas mais visadas pelas quadrilhas são: alimentos, cigarros, combustíveis, eletrônicos, medicamentos, bebidas, têxteis e confecções, autopeças e produtos químicos.

POLÍCIA SEM DELEGADOS

Inquperitos parador 3

A campanha pela convocação dos candidatos aprovados no concurso para delegado de Polícia Civil, realizado em 2014, começa a ganhar corpo nas redes sociais e nas ruas. Vídeos estão sendo postados explicando a necessidade urgente e imperativa da contratação desses profissionais para repor a combalida Polícia Civil do Ceará. A falta de investigação de crimes, principalmente em relação aos homicídios, muito se deve à falta de delegados para dar tramitação aos milhares de inquéritos que estão empilhados nas delegacias distritais, metropolitanas, especializadas, regionais e municipais. Além disso, há cerca  de 84 Municípios do Ceará com delegacias fechadas ou simplesmente sem delegacias, sendo atendidas apenas por unidades que apenas expedem Boletins de Ocorrência (B.O.).

PERIGO NAS LOTÉRICAS

Lotérica

Projeto de lei que tramita na Câmara Municipal de Fortaleza, de autoria do vereador e policial civil (inspetor) Julierme Sena (PR), prevê que todas as agências lotéricas, correspondentes bancários e similares estabelecidos na Capital cearense contratem seguranças particulares. O objetivo é proteger os clientes e funcionários, além de proporcionar empregos para a classe dos vigilantes. De acordo com o projeto, os estabelecimentos devem possuir um vigilante para cada 500 pessoas atendidas, em média, a cada dia.  O fato é que, também nesta área, os cidadãos ficam totalmente desprotegidos enquanto aguardam nas filas o devido atendimento. Os assaltos são constantes em toda a cidade. Neste ano, um tiroteio na porta de uma lotérica, no Parque São José, no dia 11 de julho, terminou em quatro mortos. Em outro ataque a um carro-forte na porta de uma agência, um vigilante foi fuzilado.

FROTÃO FAZ BALANÇO

Chico Sá 2

A violência armada no Ceará se reflete também nos números apresentados pela rede hospitalar de emergência que recebe os feridos dessa “guerra urbana” interminável. Balanço divulgado pelo Instituto Doutor José Frota no começo da semana, revela que, somente no primeiro semestre deste ano, o maior hospital de emergência do estado prestou atendimento a 1.222 pacientes lesionados por armas de fogo, bala. O hospital não disse quantos desses pacientes acabaram morrendo.  Além dos cidadãos comuns que são baleados em assaltos ou tentativas de roubos, há os repetidos casos de policiais civis e militares que também são atingidos pelas armas da bandidagem. Praticamente todos os dias PMs são feridos nas ruas. Bom lembrar que o “Frotão” recebe pacientes de todo o Ceará.

VALIM E OS BLOQUEADORES

Vitor Valim 200

Deputado federal Vitor Valim (PMDB-CE) voltou a ocupar a tribuna da Câmara, em  Brasília, para falar sobre Segurança Pública e violência. Desta vez, o apelo foi para que o Congresso Nacional toque o projeto de reforma do Código de Processo Penal Brasileiro (CPP), que é antigo e totalmente fora da atual realidade do País. Valim pediu também que o governo federal libere para os estados, verbas necessárias à instalação de bloqueadores de sinal de celular nos presídios brasileiros. “É impossível admitir que os bandidos, chefes de organizações, de milícias e quadrilhas, mesmo estando presos, continuem usando celular para continuarem ordenando crimes e controlando seus negócios do crime organizado”. Ele bem sabe que no Ceará, a “farra” de celulares nos presídios continua, apesar dos  esforços contínuos das autoridades em apreender os aparelhos que chegam às mãos dos criminosos.

CRIANÇADA SEM DESFILE

Pistola sendo apontada

Várias escolas estabelecidas em bairros da periferia de Fortaleza e de sua Região Metropolitana decidiram não realizar, neste ano, os desfiles alusivos ao 7 de Setembro. Os diretor e professores temem pela vida de seus alunos, já que os tiroteios viraram parte da rotina de muitos bairros da Grande Fortaleza. Os pais dos alunos estão sendo comunicados dessa decisão através de avisos nas agendas da criançada.  Os alunos se sentem ameaçados e, ao mesmo tempo, frustrados por não poder desfilar.  Esse fato reflete o estado de insegurança nos bairros da cidade. Neste ano já foram registrados vários casos de crianças – e até bebês – atingidos por “balas perdidas” durante os confrontos entre gangues, quadrilhas e facções na Capital. O mais recente aconteceu na Zona Oeste. Um bebê de apenas 3 meses de vida foi o alvo.

O CÃO NA POLÍCIA

Cães

Policiais civis e militares do Ceará e de vários estados brasileiros, além de um participante estrangeiro, iniciaram nesta terça-feira (5), um curso de cinotecnia, a técnica do uso de cães em operações policiais. O evento acontece na Academia Estadual da Segurança Pública (Aesp), em Fortaleza, e vai contar com a participação também de representantes das Forças Armadas (Aeronáutica e Exército) e de um oficial da Polícia Nacional do Paraguai. As técnicas  de  adestramento, obediência, guarda e proteção serão repassadas aos 41 alunos por oficiais do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque). O coordenador do curso, capitão PM Luttiani Rodrigues, do BPChoque, diz que na PM, os cães atuam embarcados em viaturas e são empregados em operações como buscas em presídios e policiamento em estádios de futebol.

OPERAÇÃO “ACABA PANCADÃO”

Pancadão

Comando do Policiamento da Capital  (CPC) deflagrou uma sequência de operações nos fins de semana para combater o tráfico de drogas, prostituição de adolescentes, porte ilegal de armas e os abusos de som alto, além da venda de bebidas para menores em vários bairros da cidade. As operações vêm sendo comandadas pessoalmente pelo tenente-coronel PM Ricardo Moura, um oficial “linha dura” contra a bandidagem. Festas conhecidas como “pancadões”, e que reúnem bandidos de facções criminosas, estão na mira da Polícia Militar, principalmente em bairros periféricos como Barroso, Lagamar, Tasso Jereissati e Parque Dois Irmãos (Rosalina). Nas primeiras ações, foram apreendidas armas de fogo e drogas, além da captura de foragidos da Justiça.

E TEM MAIS!!!

* Polícia investiga o furto de uma imagem sacra na Catedral Metropolitana de Fortaleza. Algum larápio entrou ali e levou a imagem de Nossa Senhora Aparecida. No local não há câmeras. A Arquidiocese registrou um Boletim de Ocorrência e reza para recuperar a santa.

* Plano Municipal de Proteção Urbana, a ser executado pela Prefeitura Municipal de Fortaleza, deverá ser lançado em outubro em duas comunidades da Capital cearense. O projeto já está saindo do papel e será uma importante ferramenta para o combate à criminalidade da cidade.

* E os assaltos voltaram com toda a força no bairro Parquelândia. Na semana passada, um bandido solitário, mas bem armado, atacou um grupo de pessoas na calçada da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social. Na noite de terça-feira (5), o alvo foi uma pizzaria na Rua Azevedo Bolão.

* “Operação Dissimulare”, da Polícia Civil, já apreendeu cerca de R$ 2 milhões em dinheiro vivo e cheques e cerca de R$ 50 milhões no bloqueio de bens móveis e imóveis. Á acaçá a uma quadrilha de empresários que fraudavam o Fisco (sonegação fiscal) no ramo de tecidos e confecções na Capital.

* Policiais da Força Tática de Apoio (FTA), que passaram por um curso de reciclagem e nivelamento recente, irão ser deslocados para as áreas onde a “mancha criminal” estiver mais intensa, isto é, nos bairros onde a criminalidade está em alta. Trabalho de alto risco e que exige homens bem treinados.

* Bandidagem do Lagamar mandou recado no boca a boca e pichou muros. Quem passar por ali de carro tem que baixar os vidros e, se for à noite, ligar a luz interna dos veículos. Se estiver de moto, tirar o capacete e reduzir a velocidade, senão leva bala. É o crime impondo suas regras na cidade.

* E a pergunta do dia: Risco de  protestos no Desfile de 7 de Setembro na Beira-Mar??

 

Acidente na BR-222 mata policial rodoviário federal e técnica em Enfermagem

PRF 1 PRF 3

PRF Rafael Richard Portela Reinaldo                   Técnica em Enfermagem Rogéria Terto Oliveira

PRF 4

O veículo Ônix onde estava o casal capotou fora da pista após ser atingido por um boi

Um grave acidente de trânsito foi registrado na noite desta terça-feira (5) na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O fato ocorreu por volta das 20 horas, quando três automóveis se envolveram no sinistro, após um deles tentar desviar de dois animais na pista e acabou colidindo com um deles. Eram dois bois e um deles foi arremessado para a pista contrária, caindo sobre um veículo que seguia em sentido inverso.  Desgovernado, o carro capotou num aterro matando seus dois ocupantes.

Violência sem trégua deixa 9 mortos em assassinatos na manhã desta terça-feira

Crato 2 Edson Queiroz - hoje

No Crato: topiqueiro morto a tiros                        Capital: corpo encontrado no Edson Queiroz

Somente na manhã desta terça-feira (5), ao menos, nove pessoas foram assassinadas no Ceará, entre os casos registrados pela Polícia, um duplo homicídio ocorrido na cidade de Itarema, no Litoral Oeste do estado (a 210Km de Fortaleza), onde dois jovens foram mortos a tiros.

Campanha pela efetivação de novos delegados na Polícia Civil ganha repercussão nas redes sociais e nas ruas

VEJA O VÍDEO DA CAMPANHA

Uma campanha começa a ganhar corpo nas ruas e nas redes sociais. Ela é uma iniciativa dos candidatos aprovados no concurso para delegado de Polícia Civil, realizado em 2014. Eles aguardam há três anos a convocação pelo Governo do Ceará para iniciar o Curso de Formação Profissional na Academia Estadual da Segurança Pública do Estado (AESP) e ingressarem definitivamente na carreira.

PM qualifica tropa de Apoio Tático para enfrentar a bandidagem nas ruas de Fortaleza

FTA 4

Policiais passaram por intensos treinamentos para o combate ao crime na Grande Fortaleza

Uma solenidade marca, nesta terça-feira (5), a conclusão do curso de nivelamento e aperfeiçoamento para policiais militares do Ceará integrante das patrulhas da Força Tática de Apoio (FTA) dos batalhões e companhias da Corporação sediadas na Capital e nos Municípios da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).  A solenidade está marcada para esta tarde, a partir das 16 horas, no Quartel do Comando-Geral da PM, no Bairro de Fátima.

Primeiro fim de semana de setembro foi sangrento com 74 mortos em homicídios e acidentes

Aerolândia

Somente em Fortaleza, 19 pessoas foram mortas. Acima, homicídio na Aerolândia

Somente na tarde desta segunda-feira (4) a Secretaria da Segurança Pública e defesa Social divulgou em seu site a relação dos casos de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) ocorridos no último fim de semana, período compreendido entre a sexta-feira (1º) e o domingo (3). No total, 74 pessoas morreram de forma violenta no Ceará. Os registros apontaram 59 homicídios e mais 15 óbitos em acidentes de trânsito. 

Facção criminosa domina condomínio popular e impõe regras do crime aos moradores

GDE - CIdade Jardim

Paredes nas entradas dos blocos de apartamentos estão grafitadas com o símbolo da facção

Cidade Jardim 2

Residencial Cidade Jardim, no bairro José Walter, possui 5.536 unidades e abrigará 22 mil pessoas

Uma reportagem especial da TV Jangadeiro, apresentada pelo jornalista Nilson Fagata, mostrou como uma comunidade inteira é rendida pelo crime organizado na periferia de Fortaleza. Trata-se do condomínio popular Residencial Cidade Jardim, obra do programa federal “Minha Casa, Minha Vida”, instalado na zona sul da Capital. Ali, a facção criminosa Guardiões do Estado (GDE) assumiu o comando do tráfico de drogas e controla o ir e vir dos moradores.

z1
 
 
Jornalista
Fernando Ribeiro
Bem-vindos ao blog, espaço destinado a matérias sempre atualizadas sobre Fortaleza e o Estado do Ceará
 
icon (85) 9 8826.7143

Compartilhe conteúdo

 

12f

 

zz1