Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2020

0465 em 21/2/2020

Inspetor pratica suicídio no fim do plantão no Complexo das Delegacias Especializadas

Gavião

Inspetor Sérgio "Gavião" atuou durante anos na instituição e suicidou-se na manhã de hoje

Um policial civil suicidou-se na manhã desta quarta-feira (8), após término do seu turno de plantão no Complexo das Delegacias Especializadas (Code), localizado no bairro de Fátima, nesta Capital, onde antes funcionou a Academia de Polícia Civil do Ceará. O inspetor Sérgio disparou um tiro de pistola de calibre Ponto 40 (0.40), na cabeça e teve morte instantânea.

Polícia investiga crimes misteriosos em Pacajus. Corpos de uma jovem e de um comerciante foram encontrados com tiros

Pacajus 18 Pacajus 19

Garota morta na localidade Baixa Grande                  Comerciante morto no bairro Tucuns 

Dois crimes misteriosos foram registrados pela Polícia no Município de Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) nas últimas 24 horas. Um comerciante daquela cidade e uma mulher foram assassinados a tiros em locais e horários diferentes. Policiais civis buscam pistas para esclarecer os dois casos e tentar identificar os criminosos.

Polícia Civil deflagra Operação "Jericó Guaiúba" e prende 12 pessoas envolvidas com uma facção criminosa e no tráfico de drogas

Jericó 2

Mandados de prisão e de busca e apreensão estão sendo cumpridos em Guaiúba e Pacatuba 

PC 1

Cerca de 50 policiais civis estão mobilizados na operação que começou às 6 horas 

Doze pessoas foram presas na manhã desta terça-feira (7), durante mais uma megaoperação da Polícia Civil para combater o tráfico de drogas na Grande Fortaleza. Dezenas de mandados de prisão e de busca e apreensão estão sendo cumpridos por um efetivo aproximado de 50 policiais civis de várias delegacias e departamentos daquela instituição.

Travesti é assassinado com tiro na cabeça quando fazia "ponto" no Centro da cidade

Centro travesti

O travesti caiu morto no calçadão, entre as ruas do Rosário e General Bizerril, Centro

Um travesti foi assassinado, a tiros, na noite desta segunda-feira (6), no Centro de Fortaleza. O crime de morte ocorreu por volta de 22 horas entre as ruas General Bizerril e do Rosário, a poucos metros da Sede da Delegacia Geral de Polícia Civil do Ceará. Policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já investigam o caso.

Assassinatos e acidentes deixaram 29 mortos no Ceará no primeiro fim de semana de 2020

Momdubom 3

Na madrugada de hoje, sete pessoas foram baleadas dentro deste carro, na Avenida Godofredo Maciel, no bairro Mondubim. Uma morreu

Mondubim bala 2

Baleada, a guiadora bateu o carro em um poste e ficou morta dentro do automóvel

Janaina66  Janaína

Em Banabuiú, a ex-dançarina de banda de forró, Janaína Carneiro, 27, foi morta a tiros 

Vinte e nove pessoas tiveram morte violenta no fim de semana em todo o estado do Ceará. No balanço parcial das ocorrências registradas entre a última sexta-feira (3) e o começo da madrugada desta segunda (6), as autoridades contabilizaram 21 casos de assassinatos (homicídios, latrocínios, feminicídios, lesões corporais seguidas de óbito e mortes por intervenção policial), além de oito mortes em acidentes de trânsito.

Sete mulheres assassinadas no Ceará no fim de semana. Em 6 dias de 2020, já são 10 crimes do gênero

Dançarina Sobral Sheyla Juazeiro

Janaína Carneiro (Banabuiú)           Terezinha Dias (Sobral)               Sheyla Lins (Juazeiro) 

Quixadá 10

Kathely Anne Freitas e Laura Adriana Carneiro, mortas, a tiros, em Quixadá 

Sete mulheres foram assassinadas no Ceará somente no fim de semana. Os crimes ocorreram em Fortaleza (dois casos), Juazeiro do Norte, Sobral, Banabuiú e Quixadá (duplo), elevando para 10 o número de homicídios do gênero em apenas seis dias de 2020.

Matança de garotas jovens e adolescentes no Ceará leva ministro do Supremo a cobrar punição para os assassinos

Adolescentes mortas no Ceará 1

Dezenas de garotas com idades entre 12 e 20 anos foram mortas no Ceará nos últimos anos por ordem de facções

Em apenas dois anos, entre 2018 e 2019, nada menos, que 629 mulheres foram assassinadas no Ceará. No ano passado, foram 229 vítimas de homicídios, latrocínios e feminicídios, e entre estas figuraram 47 jovens e adolescentes, com idades entre 12 e 20 anos. A matança de meninas deixou 24 vítimas. Eram adolescentes que, em sua maioria, acabaram tendo morte cruel, com casos não raros de decapitação e esquartejamento, torturas e queimaduras. Nas palavras do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, no fim de semana, o Ceará, as facções “têm matado crianças e adolescentes do sexo feminino”.

Após 10 anos de debates no Congresso Nacional, Lei do Abuso de Autoridade passa a valer no Brasil a partir de hoje

Algemado foto

O rigor da lei produziu debates durante anos no Congresso Nacional até entrar em vigor hoje (3)

Entrou em vigor em todo o País, nesta sexta-feira (3), a Lei do Abuso de Autoridade. O texto foi aprovado em agosto passado, depois de 10 anos de debates no Congresso nacional. Ele especifica condutas que devem ser consideradas abuso de autoridade e prevê as punições

Em apenas dois dias de 2020, três mulheres já foram assassinadas no Ceará

Clarissa Karol

Clarissa, assassinada em Banabuiú                              Karol, assassinada em Fortaleza 

Em apenas dois dias de 2020, três mulheres foram vítimas de assassinatos no Ceará. A sequência de crimes do gênero dá continuidade à violência contra a mulher no estado, onde 400 assassinatos aconteceram em 2018, e mais 224 em 2019.

O caso mais recente ocorreu na tarde desta quinta-feira (2), na cidade de Banabuiú, no Sertão Central (a 194Km de Fortaleza), quando dois homens armados invadiram uma residência e assassinaram, a tiros, a jovem Clarissa Gomes da Silva, 24 anos, que estava grávida.

Feriado do Ano-Novo foi marcado pela violência, com 11 casos de assassinatos no Ceará

Ano-Novo

A madrugada do Ano-Novo foi violenta na Grande Fortaleza, com vários casos de homicídios 

Onze assassinatos foram registrados no Ceará no feriado do Ano-Novo, entre a terça-feira (31) e a quarta (1º). A violência armada marcou a festança do Réveillon em Fortaleza e mais cinco municípios cearenses: Caucaia, Forquilha, Mauriti, Santa Quitéria e Quixeré. Entre os mortos está a primeira mulher assassinada no estado em 2020.

Ceará termina 2019 com 2,4 mil assassinatos. E a guerra de facções desafiou a Segurança Pública

Oitão 1

Crimes de morte, em sua maioria, decorrem da guerra de facções na periferia da Capital e na RMF

Hospital Caucaia

Em Caucaia a violência foi intensa, com assassinatos até mesmo dentro do hospital municipal

O Ceará fechou o ano com cerca de 2,4 mil assassinatos. São os chamados Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs), que incluem homicídios, feminicídios, latrocínios e casos de lesão corporal seguido de morte. Também neste balanço extra-oficial, são incluídos os casos de assassinatos nas unidades do Sistema Penitenciário e as mortes por intervenção policial. Estes dois últimos delitos não são incluídos na estatística oficial que deverá ser divulgada nos próximos dias pelo governo do estado, através da sua Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Homem é baleado na Avenida Beira-Mar e morre logo depois no IJF-Centro na madrugada de hoje

Samu

Um crime de morte foi registrado nos primeiros minutos do último dia do ano no principal cartão-postal de Fortaleza, a Avenida Beira-Mar. Era por volta de 0h50 desta terça-feira (31), quando a Polícia Militar acionou, via Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Na esquina daquela avenida com a Rua Joaquim Nabuco, no bairro Meireles, estava um homem caído, com lesões de tiros.

Crime na favela aumenta para 229 os assassinatos de mulheres no Ceará em 2019

Oitão 5

O corpo esquartejado e queimado de uma mulher foi deixado nesta lixeira na Avenida Leste-Oeste

O Ceará fecha o ano de 2019 com 229 casos de mulheres assassinadas. O caso mais recente ocorreu na madrugada desta segunda-feira (30), quando um corpo do sexo feminino, esquartejado e carbonizado, foi encontrado em uma lixeira em plena Avenida Leste-Oeste, no bairro Moura Brasil, na zona Central de Fortaleza.

RETROSPECTIVA 2019: Tragédia, atentados e crimes brutais marcaram o ano na Segurança Pública

Retrospectiva 2 Retrospectiva 5 Retrospectiva 6

Ataques criminosos                      Fuga de"Zé de Valério"               Desabamento do Edifício Andréa

Um ano que ficará marcado na memória dos fortalezenses por conta de uma tragédia. O desabamento de um prédio residencial localizado na zona nobre da cidade deixou nove pessoas mortas e outras sete feridas. Também ficará marcada para muitas famílias a perda de jovens para o tráfico de drogas, diante da guerra de facções que teimam em resistir às ações da Polícia e da Justiça.

Mais cinco mulheres assassinadas no Ceará no fim de semana. No ano, já são 229 crimes do gênero no estado

Feminicídio em Barbalha

Em Missão Velha, Maria Marta foi morta a facadas pelo marido, Cícero da Silva, que acabou preso

Ibicuitinga mulher

Elenice Lima de Oliveira, 48 anos, foi assassinada a tiros dentro de casa, em Ibicuitinga

Demócrito Rocha

No bairro Pan-Americano, uma mulher foi encontrada morta na calçada de uma churrascaria 

Oitão 2 Oitão 1

Na Avenida Leste-Oeste apareceu o corpo de uma mulher esquartejado e carbonizado no lixo

Cinco mulheres foram mortas durante o último fim de semana de 2019 no Ceará, aumentando para 229 os crimes do gênero neste ano. Entre os quatro registros, um caso já confirmado de feminicídio ocorrido na zona rural do Município de Missão Velha, na Região do Cariri (a 521Km de Fortaleza). O autor do assassinato já está preso.

Último fim de semana de 2019 foi marcado pela violência no Ceará com 26 pessoas mortas

Acopiara morte

Seis pessoas morreram no fim de semana no Ceará em acidentes envolvendo motocicletas 

cAPOTAMENTO

Um capotamento de veículo deixou um adolescente morto na CE-060, no Município de Acopiara 

Aerolândia 6

No bairro Aerolândia, em Fortaleza, três pessoas foram mortas a tiros dentro de um bar 

Taquara

No bairro Taquara, em Caucaia, um jovem foi morto em um campo de futevôlei

O último fim de semana de 2019 foi marcado pela violência no Ceará. Ao menos, 17 pessoas foram assassinadas no estado, além de outras nove que morreram em decorrência de acidentes de trânsito, totalizando 26 mortos. Uma tentativa de chacina deixou três pessoas mortas, a tiros, na noite da última sexta-feira (27). O triplo homicídio ocorreu dentro de um bar, no bairro Alto da Balança (Aerolândia).