Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

Polícia faz cerco na mata e prende homem que assassinou o pai a tiros por causa de uma disputa por terras

pARRICIDA2

Antônio Ademir Rufino chega preso em Aiuaba. Ele foi capturado pela PM, sob o comando do subtenente Laurindo, na zona rural de Arneiroz FOTO: NOVA DIFUSORA

A Polícia Militar capturou na zona rural do Município de Arneiroz, na Região dos Inhamuns (a 383Km de Fortaleza), o agricultor Antônio Ademir Castro Rufino, 44 anos, que assassinou o pai durante uma discussão por terras. O crime de morte ocorreu no vizinho Município de Aiuaba, na manhã de quarta-feira passada (13).

Chorando o tempo todo e se dizendo arrependido do que fez, Antônio Ademir foi autuado em flagrante pelo assassinato. Ele matou a tiros de espingarda seu pai, o aposentado José Rufino Sobrinho, 73 anos. Além disso, agrediu também sua mãe e a esposa.

Testemunhas ouvidas na Polícia disseram que o assassino se armou com uma espingarda de calibre 32 e foi até a casa do pai, no Sítio  Troncos, localidade de Mirador, na zona rural de Aiuaba. Antônio Ademir surpreendeu o pai quando este retornava do curral onde havia ido ordenhar  as vacas. O primeiro tiro foi numa das mãos. O ancião tentou correr, mas recebeu o segundo disparo nas costas. Depois que José Rufino caiu, o filho se aproximou e disparou o terceiro tiro no peito esquerdo.

Depois de cometer o parricídio (ato de matar o pai), o assassino ainda correu atrás da mãe e da esposa e as agrediu. Em seguida, fugiu em uma moto. Horas depois, ele abandonou o veículo e arma do crime e se embrenhou em uma área de mata na zona rural de Arneiroz.

Enterrado

A caçada policial, no entanto, não cessou desde o momento do crime, até que na noite desta quinta-feira (14), a Polícia recebeu informações de onde o suspeito estaria escondido, já que sua motocicleta havia sido localizada.

Um cerco foi feito na área indicada, sob o comando do subtenente PM Laurindo. Percebendo que não tinha mais como escapar da operação policial, Antônio Ademir decidiu se entregar aos militares.

A mãe e a esposa dele se recuperam das agressões. O pai foi enterrado em Aiuaba.

Conforme as investigações, a rixa entre pai e filho já durava cerca de dois anos, por conta da disputa pela posse de um terreno na localidade de Sítio Troncos. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

z1
 
 
Jornalista
Fernando Ribeiro
Bem-vindos ao blog, espaço destinado a matérias sempre atualizadas sobre Fortaleza e o Estado do Ceará
 
icon (85) 8826.7143

Compartilhe conteúdo

15639320764840782235

zz1