Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2020

2.157 em 19/06/2020

Décimo policial assassinado neste ano no Ceará. Sargento do Ronda foi executado hoje por bandidos na cidade do Crato

Sargento assassinado 001

Sargento PM Rodrigues foi atingido com um tiro na nuca ao reagir ao assalto em uma farmácia

Subiu para dez o número de policiais assassinados, neste ano, no Estado do Ceará. A vítima mais recente da violência foi um sargento da Polícia Militar, destacado no Batalhão de Policiamento Comunitário (Ronda do Quarteirão), da cidade do Crato (540Km de Fortaleza). Na Manhã desta terça-feira (4), o militar foi executado sumariamente com um tiro na cabeça por bandidos que assaltavam uma farmácia no centro comercial daquela cidade da Região do Cariri (Sul do Ceará).

Era por volta de 11h30, quando dois bandidos armados invadiram a Farmácia Gentil, situada no cruzamento das ruas Bárbara de Alencar e Senador Pompeu, na malha central do Crato, e anunciaram o ataque. Exigiram dos funcionários o dinheiro do caixa, além de objetos pessoais, como celulares, relógios e outros bens. Conforme as primeiras informações da Polícia, no momento em que acontecia o roubo, o sargento PM Francier Rodrigues Lopes, 36 anos, conhecido por sargento Rodrigues, chegava à farmácia e decidiu reagir, chegando a trocar tiros com os dois bandidos na porta do estabelecimento comercial.

Baleado na cabeça, o militar ainda chegou a ser socorrido para o Hospital São Francisco, no Crato, onde, porém, morreu ainda no setor de Emergência. Segundo os médicos, ele foi atingido na nunca, Dos dois criminosos, um deles conseguiu fugir em uma motocicleta de cor vermelha. O segundo foi baleado no pé pelo PM, tentou fugir, mas acabou sendo perseguido e preso por uma patrulha da Força Tática de Apoio (FTA), do 2º Batalhão (2º BPM/Juazeiro do Norte) nas proximidades do clube AABB, sendo identificado como Gledson Ferreira Santa, 19 anos. Ferido, ele foi encaminhado, sob escolta policial, ao Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte, onde permanece.

Desapareceu

Já o suposto autor do disparo ainda está desaparecido. Ele foi identificado apenas pelo apelido de “Cicinho Caroço” e pode estar também baleado, pois a Polícia encontrou, momentos depois, uma camiseta ensangüentada com um buraco que pode ter sido produzido a bala, além de um capacete. Os objetos estavam jogados no meio da rua nas proximidades do Estádio Mirandão, no Crato.

Veja a lista dos policiais assassinados no Ceará em 2014

01 – Policial militar Fernande Vanucci Bezerra da Silva (soldado PM), morto durante uma tentativa de assalto na Rua Heribaldo Costa, no bairro João XXIII, em Fortaleza, no dia 9 de janeiro.

02 – Delegado Lucas Craveiro Alves, da Polícia Civil do Piauí, mas cearense. Foi morto ao trocar tiros com assaltantes na saída de uma pizzaria, na Avenida Washington Soares, bairro Água Fria, na madrugada do dia 17 de março.

03 – Policial militar José Edson Andrade, executado a tiros ao reagir a um assalto na Rua Araré, no bairro Parque Potira, em Caucaia, no dia 14 de março.

04 – Ex-policial militar Paulo Sérgio Chagas de Oliveira, executado com vários tiros na Avenida Doutor Stênio Gomes, no bairro Vila Peri, na noite de 23 de abril. Suspeita de vingança.

05 – Policial militar Paulo Henrique de Farias, assassinado ao tentar impedir que bandidos assaltassem um estabelecimento comercial de sua irmã, localizado na Avenida I, do Conjunto Ceará. Crime ocorreu na manhã do dia 20 de maio.

06 – Policial militar Carlos Wanderley Vicente Barbosa, também assassinado ao reagir a um assalto. Caso ocorreu na noite de 21 de junho, no Conjunto São Cristóvao. Bandidos roubaram a arma (pistola) e a motocicleta do militar.

07 – Subtenente PM Francisco Alcemiro da Silva, ex-comandante da Guarda Municipal deo Eusébio. Foi vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte) dentro de seu estabelecimento comercial, um mercadinho localizado no bairro Olho d’Água, no Município do Eusébio. Depois do crime, os bandidos fugiram com a arma do PM e seu cartão bancário, chegando a fazer saques em caixas eletrônicos, em Messejana. Fato ocorreu no dia 27 de junho.

08 – Policial militar Francisco Fabiano Gomes Feitosa, também morto ao reagir contra assaltantes, no bairro Vila Peri, por volta das 0h15 do dia 3 de julho.

09 – Policial militar Francisco Cleyton de Oliveira Granja, reagiu a um assalto e foi assassinado, a tiros, por criminosos na Rua Bom Jesus, no Barroso, no dia 12 de julho.

10 – Sargento PM Francier Rodrigues Lopes, assassinado na manhã de hoje ao reagir contra bandidos que tentaram assaltar uma farmácia no Centro da cidade do Crato.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar