Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro Mortes no Ceará 2017

3990
Atualizado em 19/10/2017

Polícia Civil desarticula quadrilha de traficantes e fecha laboratório de fabricação de crack na RMF

lABORATÓRIO

Drogas, munições, arma e outros apetrechos do tráfico foram apreendidos na operação

Em duas operações simultâneas, a Polícia Civil prendeu três pessoas, desmontou um laboratório de produção de drogas e apreendeu cerca de 33 quilos de entorpecentes e insumos. As ações foram desencadeadas pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco).

Em um sítio localizado no Município de Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), os policiais daquela Especializada, encontraram um laboratório para a fabricação de drogas e prenderam o traficante  Nilson Alves Ramos, 38 anos, o “Paulista”, se identificando por Fernando Alves Ramos, um irmão dele já falecido.

No local, os inspetores e delegados aprenderam cerca de 13,2 quilos de drogas como crack, cocaína e maconha, além, de 20 quilos de mineíta, um composto químico em forma de pó utilizado para  ser misturado à  cocaína e também utilizado na fabricação de crack.

Na mesma operação foram também presos, Keytilene Rabelo dos Santos, a “Keyte”, 20 anos; e Tiago Bandeira de Lima, 20 anos.  As operações ocorreram no 4º Anel Viário, do bairro Pedras, em Messejana; e em duas residências localizadas no Município de Maracanaú. Na residência de Tiago, a Polícia encontrou, além de drogas, um rifle de calibre 44 e munições.

Além das drogas, os inspetores das Draco apreenderam também cinco balanças de precisão, uma prensa hidráulica, além dos apetrechos usados no fabrico das drogas. Os três acusados vão responder pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, organização criminosa e porte ilegal de armas. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar