Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2018

2.384

Atualizado em 21/6/2018  

Mulheres presas com carregamento de maconha. Elas faziam o tráfico na rota Pacajus-Fortaleza

iphone terça-feira 14.7 032

Elaine Pereira da Silva, presa com 10 quilos de maconha ao desembarcar de uma topique, no Itaperi

iphone terça-feira 14.7 033

Maria Jaqueline Gomes de Oliveira, 39 anos, guardava o carregamento em Pacajus

iphone terça-feira 14.7 040

A droga apreendida com as duas mulheres  foi apresentada à Imprensa na sede da DCTD

Duas mulheres envolvidas com o tráfico de entorpecentes foram capturadas numa operação realizada por policiais civis destacados na Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD). Com as duas, a Polícia acabou encontrando um carregamento de 61 quilos de maconha. A operação se estendeu por Fortaleza e a cidade de Pacajus, na Região Metropolitana.

A primeira a ser detida pela Polícia foi a jovem Elaine Pereira da Silva, 20 anos de idade. Os inspetores abordaram a suspeita no momento em que ela desembarcou de uma topique na Avenida Bernardo Manuel, no bairro Itaperi (zona Sul da Capital) com parte da droga – cerca de 10 quilos -  em uma sacola. Naquele momento, Elaine iria fazer uma entrega. A topique procedia de Pacajus (a 49Km de Fortaleza).

Indagada da procedência da maconha, ela acabou levando a equipe da Especializada até a residência de sua comparsa, Maria Jaqueline Gomes de Oliveira, 39 anos, localizada no bairro Parque Buriti, em Pacajus.

Naquele endereço, a Polícia encontrou o restante da droga. A maconha estava guardada em malas escondidas em um dos quartos do imóvel. Juntos, os dois carregamentos somaram os 61 quilos de maconha prensada.

Ao investigar  os antecedentes das duas mulheres, a Polícia descobriu que Maria Jaqueline Gomes de Oliveira, a “Keline”, era primária. Já a parceira Elaine, mesmo sendo mais nova, já respondia processo na Justiça pelo mesmo crime, tráfico de drogas.

As duas foram encaminhadas à sede da DCTD, no bairro de Fátima, e autuadas em flagrante. Ambas acabaram enquadradas por tráfico de entorpecentes e associação para o tráfico. 


Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar