Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

315 em 19/2/2019  

EXCLUSIVO: em menos de sete meses, 14 presos foram mortos nas cadeias e presídios no Sistema Penal cearense

CPPL

Em menos de sete meses, ao menos 14 presos que se encontravam recolhidos em unidades do Sistema Penitenciário do Ceará foram assassinados. Os casos mais recentes ocorreram na cadeia pública da cidade de Mulungu e na Penitenciária Feminina Desembargadora Auri Moura Costa, no Município de Aquiraz. Os dados são de um levantamento estatístico exclusivo concluído nesta quarta-feira (29) pelo blogdofernandoribeiro.com.br

A pesquisa apontou que se tornou, cada vez mais, freqüente o assassinato de presos do Sistema Penal do Ceará com o uso de arma de fogo. Foram quatro entre os 14 homicídios. Porém, o meio mais utilizado nas execuções dentro dos presídios ainda é o espancamento e o uso de armas brancas como facas, punhais e cossocos.

Das 14 mortes ocorridas no sistema, 11 delas se concentraram nas unidades penais localizadas na Região Metropolitana de Fortaleza, as Casas de Privação Provisórias da Liberdade, também chamadas de  CPPLs.

Entre as 14 vítimas, apenas uma mulher, a detenta Joelma de Sousa Silva, morta a golpes de cossoco na tarde da última segunda-feira (27) no Presídio Feminino.

Somente neste mês de julho, já foram registrados quatro assassinatos em cadeias cearenses. Em janeiro foram três casos, em fevereiro três; em março nenhum caso. Em abril, um detento foi executado, em maio também um e em junho, outros dois.

Rixas antigas ou disputa pelo domínio nas celas e controle de venda de drogas são os motivos mais comuns dos incidentes que geram brigam e mortes nas cadeia, além de discussões banais ou motivadas pelo encontro de grupos rivais dentro dos presídios.

Veja a seguir, a lista dos presidiários mortos, neste ano, no Ceará:

01 – Francisco Flávio Ferreira do  Nascimento (cossoco) – CPPL ( Itaitinga)

02 – Alexandre Alves dos Santos (espancamento) – CPPL (Itaitinga)

03 - Sebastião Ismael Diógenes Cintra (espancamento/cossoco) CPPL (Itaitinga)

04 – Fernando José da Silva (espancamento) –CPPL (Itaitinga)

05 – José Cléber Martins Filho (espancamento) – CPPL Carrapicho  (Caucaia)

06 – Paulo Sérgio Almeida Matos (espancamento) – Cadeia Pública  (Morada Nova)

07 – Raimundo Gabriel Galdino (cossoco) – CPPL (Itaitinga)

08 – Fábio do Nascimento Sousa (bala) – CPPL (Itaitinga)

09 – José Gilberto da Rocha Costa (cossoco) – Penitenciária (Pacatuba)

10 – Antônio Afonso Santos do Nascimento (bala) – Penitenciária (Pacatuba)

11 – Antônio Valdenir Aragão de Sousa (outros meios)  - CPPL (Itaitinga)

12 – Francisco Valdemir Moreira de Barros (bala) – Cadeia Pública (Mulungu)

13 – Albert David de Sousa Freitas (bala) – Cadeia Pública (Mulungu)

14 – Joelma de Sousa Silva (cossoco) – Presídio Feminino (Aquiraz)

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar