Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

1.158 em 25/6/2019  

Polícia continua caçada ao restante do bando em Milagres. Um bandido foi preso e o tiroteio deixou 11 mortos

Milagres 10

Um dos bandidos foi preso quando fugia numa topique da linha Milagres-Brejo Santo 

Policiais militares continuam no cerco ao restante da quadrilha que tentou assaltar as agências do Banco do Brasil e do Bradesco da cidade de Milagres, na Região do Cariri, Sul do estado (a 497Km de Fortaleza). Houve um intenso confronto armado dos bandidos com a Polícia Militar, resultando na morte de 11 pessoas, sendo seis criminosos e cinco reféns. No começo da tarde, a Polícia capturou mais um integrante do bando.

O suspeito estava fugindo da cidade de Milagres em direção ao vizinho Município de Brejo Santo em busca de sair do Ceará e entrar em território pernambucano. Mas levou azar. A Polícia mantém diversas barreiras nas estradas da região e o assaltante acabou sendo descoberto dentro de uma topique da linha Milagres-Brejo Santo. Ele está sendo levado, neste momento, de volta a Milagres para ser interrogado pelas autoridades e identificar todos os seus comparas, inclusive os mortos no confronto com a PM na madrugada desta sexta-feira. Sua identidade ainda está sendo checada.

A Polícia acredita que, além dos seis bandidos mortos e do suspeito preso, outros criminosos ainda estejam na região, escondidos, tentando fugir para Pernambuco. Por isso, mantém as buscas terrestres e aéreas, com um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), da base de Juazeiro do Norte.

O confronto

O bando armado teria invadido a cidade por volta de 2 horas. Contudo, a Polícia Militar havia recebido informações de Inteligência e   estrategicamente montou o cerco aos criminosos. Na troca de tiros que se estabeleceu durante cerca de 20 minutos, segundo o relato dos moradores do Centro de Milagres, bandidos foram mortos e policiais teriam ficado feridos. Em seguida, veio a informação de que entre os 11 mortos estariam cinco reféns.

A cidade acordou atônita durante a madrugada com o intenso tiroteio. Quando o dia amanheceu, a movimentação policial permanecia intensa. Na porta do Hospital Municipal Nossa Senhora dos Milagres foram estacionados dois rabecões do núcleo da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) de Juazeiro do Norte

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar