Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2020

1.092 em 1/04/2020

Onda de assaltos a bancos no Ceará leva secretário a fazer mudanças na Inteligência da SSPDS

Formatura na PM em março 2015 083

Delci vai nomear um colega delegado da PF para comandar a Coordenadoria de Inteligência (Coin)

29.6.2015 018

Na madruga de hoje, bandidos explodiram a agência do Bradesco da cidade de Redenção

Subiu para 34 o número de ataques a bancos no Ceará somente em seis meses. O caso mais recente ocorreu na madrugada de ontem, na cidade de Redenção. Por conta disso, o titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), decidiu fazer uma reformulação no sistema de Inteligência da Pasta.

Em entrevista ontem acerca da ação permanente das quadrilhas de ladrões de bancos, Delci Teixeira disse tratar-se de uma “realidade” e que, por conta disso, fará mudanças no combate a este tipo de delito. Uma delas, é a reformulação na Coordenadoria de Inteligência (Coin). Sem revelar nomes, Teixeira informou que um delegado federal será o novo coordenador do setor. A Coin é o “braço-direito” do secretário nas ações de Inteligência, investigações sigilosas que visam o desmantelamento do crime organizado no Estado.

Teixeira disse também que está redirecionando o trabalho da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). As aeronaves daquela unidade deverão ser deslocadas para pontos estratégicos do Interior cearense. Provavelmente, apenas uma permanecerá em Fortaleza para o apoio às missões policiais e bombeirísticas.

Segundo ele, com a utilização dos helicópteros já baseados no Interior o combate aos criminosos terá maior agilidade.

Ataque

O ataque em Redenção, no Maciço de Baturité (a 52Km de Fortaleza) aconteceu por volta de 3 horas, quando a cidade foi invadida pelo bando armado. Os ladrões colocaram explosivos na agência do Bradesco e acionaram os artefatos. Contudo, a carga foi tão grande que o teto da agência desabou e os ladrões acabaram abortando o plano criminoso e fugiram sem nada levar, de acordo com informações da Polícia.

Na fuga, os criminosos roubaram uma caminhonete de um comerciante daquela cidade. Mais tarde, o veículo foi encontrado abandonado numa estrada na zona rural.

A Polícia Militar montou um cerco em toda a região do Maciço de Baturité, mas até a noite desta segunda-feira nenhuma prisão havia sido efetuada. As diligências têm continuidade.

Veja, a seguir, a lista dos ataques a bancos no Ceará em 2015:

01 – (0701) – Ataque ao Banco do Brasil da cidade de JARDIM com explosão de caixas

02 – (16/01) – Ataque a um carro-forte da Corpvs na BR-116, em RUSSAS. Quadrilha presa

03 – (16/01) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade e IRACEMA, com explosão de caixas

04 – (03/02) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade OCARA, com explosão de caixas

05 – (04/02) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade de ACARAPE, com violação de caixas com uso de maçarico

06 – (04/02) – Ataque à agência do Bradesco da cidade de IRAUÇUBA, com explosão de caixas

07 – ( 14/02) – Ataque à agência do Banco do Brasil da Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC), no bairro Benfica, em FORTALEZA. Violação de caixas com maçarico. Quadrilha presa em flagrante

08 – (21/02) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade de MOMBAÇA, com a explosão dos caixas eletrônicos

09 – (23/02) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade de RUSSAS. Assalto à mão armada

10 – (23/02) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade de MISSÃO VELHA, através do seqüestro do gerente do banco e sua família (“sapatinho”)

11 – (28/02) – Ataque à agência da Caixa Econômica do bairro Bom Jardim, em FORTALEZA. Assalto à mão armada e violação de caixas eletrônicos (R$ 200.000,00)

12 – (02/03) – Ataque à agência do Banco do Brasil da cidade de TAMBORIL, com explosão de caixas eletrônicos

13 – (05/03) – Ataque à agência do Bradesco da cidade de OCARA, com explosão de caixas

14 – (11/03) – Ataque ao posto do Banco do Brasil do Detran, no bairro Maraponga, em FORTALEZA. Assalto à mão armada praticada por três homens (R$ 17.000,00)

15 – (16/03) – Arrombamento à agência do Bradesco da cidade de ACOPIARA. Seis bandidos invadiram o local e arrombaram os caixas eletrônicos, levando o dinheiro

16 – (17/03) – Assalto á mão armada na agência do Bradesco da cidade de JAGUARIBARA.

17 – (30/03) – Assalto à agência do Banco do Brasil da cidade de NOVO ORIENTE. Bandidos invadiram o banco e fizeram reféns, levando o dinheiro dos caixas e da tesouraria.

18 – (31/03) – Assalto a banco na cidade de SÃO LUÍS DO CURU.

19 – (10/04) – Assalto à agência o Bradesco da cidade de GENERAL SAMPAIO, com explosão

20 – (10/04) – Assalto à mão armada na agência da Caixa Econômica de Pajuçara/MARACANAÚ

21 - (20/04) – Assalto à mão armada à agência do Bradesco da cidade do EUSÉBIO

22 – (23/04) – Assalto à mão armada na Agência do Bradesco de PALMÁCIA

23 – (24/04) Ataque às agências do Bradesco e Banco do Brasil em SOLONÓPLE, com explosão

24 – (27/02) – Assalto a mão armada na agência do Bando Itaú em FORTALEZA (Avenida Santos Dumont/Aldeota) – Bandidos presos com um simulacro

25 – (28/04) – Assalto a mão armada co seqüestro do gerente e seus familiares na agência do Bando do Brasil da cidade de ARARIPE

26 – (03/05) – Arrombamento da agência do Bradesco da cidade do EUSÉBIO

27- (19/05) – Ataque de uma quadrilha á agência do Bradesco da cidade de BARREIRA, com uso de explosão dos caixas

28 – (28/05) – Assalto à mão armada com reféns na agência do Banco do Brasil do bairro Malvinas, na cidade de CAUCAIA

29 – (30/05) – Ataque de uma quadrilha ao Bradesco de MIRAÍMA, com explosão da agência

30 – (07/06) – Ataque de bandidos a um caixa do Banco 24 horas dentro de supermercado na Avenida Osório de Paiva, em FORTALEZA, com emprego de arma e instrumentos de corte do caixa (maçarico). Quadrilha capturada em flagrante

31 – (09/06) – Bandidos seqüestraram o gerente da agência do Banco do Brasil da cidade de CHOROZINHO e tentaram roubar a agência, mas o gerente acionou o alarme. Os bandidos fugiram levando as armas dos vigilantes.

32 – (10/06) – Quatro bandidos armados assaltaram a agência do Bradesco da cidade de SOLONÓPOLE e levaram todo o dinheiro do banco.

33 – (23/06) – Quadrilha formada por cerca de 20 homens, ataca a cidade de MADALENA e assaltam as agências do Bradesco e do Banco do Brasil simultaneamente. Não houve explosão, mas os criminosos destruíram os caixas eletrônicos e retiraram o dinheiro.

34 – (29/06) – Ataque de uma quadrilha armada na cidade de REDENÇÃO. Bandidos explodiram a agência do Bradesco, mas não conseguiram roubar o dinheiro

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar