Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2019

2.274 em 14/12/2019  

Ano começou com o registro de 349 assassinatos no Ceará. Entre as vítimas, 21 mulheres, 24 adolescentes e três policiais militares

homicídio 4

Nada menos, que 349 pessoas foram assassinadas no Ceará  no primeiro mês de 2016. A média diária é de 11,6 assassinatos.  Em janeiro, foram registrados 136 homicídios na Capital, 80 na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), além de outros 133 no Interior.

Entre os casos registrados, estão oito duplos homicídios que ocorreram em Fortaleza (no bairro Dias Macedo), e nos Municípios de Banabuiú, Jijoca de Jericoacoara, Morada Nova, Redenção, Camocim, Tabuleiro do Norte e Russas.

Um dos casos ocorreu no Município de Russas (a 163Km de Fortaleza), onde duas mulheres foram assassinadas, a tiros, na noite do último dia 27. Débora Alves de Siusa, 24 anos; e Maria Tânia Pereira da Silva, 41, foram  executadas sumariamente no Centro daquela cidade do Vale do Jaguaribe.

Também entre as vítimas dos 349 assassinatos figuraram 24 adolescentes, 21 mulheres, quatro presidiários (mortos dentro de unidades penais), três policiais militares  e 12 cidadãos que foram vítimas de latrocínio (roubo seguido de morte).

Outras cinco pessoas foram mortas em confronto com a Polícia Militar.

O primeiro homicídio registrado no Ceará em 2016 aconteceu em Fortaleza, precisamente às 2h02 do dia 1º, na Rua Riachuelo, bairro Papicu (zona Leste), quando foi morto, a tiros, o jovem Gabriel Lopes Cláudio.

Já no Interior, o primeiro crime de morte do ano foi registrado na Praia da Lagoinha, em Paraipaba (a 115Km de Fortaleza), onde um jovem estudante universitário, identificado como Claírton Araújo, tornou-se vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte). Ele foi morto a tiros ao reagir a um assalto quando se divertia com amigos, na madrugada do Ano-Novo.

Veja agora o números do balanço de janeiro:

- 136 homicídios na Capital/Fortaleza

- 80 homicídios na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF)

- 133 homicídios no Interior do Estado

- 24 adolescentes assassinados

- 21 mulheres assassinadas

- 12 casos de latrocínios (roubos seguidos de morte)

- 4 detentos mortos dentro do Sistema Penal

- 3 policiais militares assassinados

- 5 mortos em confrontos com a Polícia

- 8 casos de duplos homicídios