Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

NOS BASTIDORES DA SEGURANÇA PÚBLICA

 

SIRENE ABERTA

A coluna é publicada às quartas e sextas-feiras

Intermitente piscando 2

 

Ônibus torrando na rua

O s lamentáveis e reprováveis atos de violência praticados nas ruas de Fortaleza, com mais de 20 ônibus incendiados e delegacias metralhadas, deixou um trauma para a população de Fortaleza e uma certeza: o estado se curvou às ordens do crime. E quem disse não foi apenas parte da Imprensa descomprometida com o governo de plantão, mas representantes do próprio Sistema Penitenciário.  Os “acordos” dentro do presídio da Cigana, em Caucaia, no fim de semana prolongado de Tiradentes fez a facção criminosa autodenominada de Guardiões do Estado (GDE) mandar seus facínoras suspender os atentados. “Não vamos recuar um milímetro”, disse o governador Camilo Santana (PT).  Recuou metros.

ESTADO SE CURVOU!!!

Clkáudio Justa

O presidente do Conselho Penitenciário do Estado do Ceará, Cláudio Justa, foi enfático sobre o assunto em entrevista a um jornal local. “O Estado se curvou diante da realidade das unidades penais e teve que conversar com as facções”.  Se ele é uma autoridade do setor e disse isto com todas as letras, não há o que se duvidar. Pobre Estado do Ceará, onde a bandidagem pinta e borda... e incendeia!

SISTEMA LOTEADO

Ainda de acordo com Cláudio Justa, “O Estado mostrou que não tem condições de fazer uma custódia adequada”. Segundo o que se sabe, para evitar novos tumultos de rua, um grupo de promotores de Justiça arregaçou as mangas no feriadão e foi conversar com os pilantras dentro do Presídio do Carrapicho. Para evitar novos atentados, ficou acertado que a GDE ficará com, pelo menos, dois presídios: a CPPL 2 e o Olavo Oliveira 2, ambos em Itaitinga. Já a CPPL 3 é de “exclusividade” do PCC. A Família do Norte (FDN) e o Comando Vermelho se uniram e agora vão também “reivindicar” seu lote no Sistema Penal do Ceará. Vergonha!!!

COMPETÊNCIA E AUTONOMIA

Cláudio Justa é um homem sereno, equilibrado e conhecedor profundo do Sistema Carcerário. Não é à toa que chegou ao cargo de presidente do Conselho Penitenciário do Estado do Ceará. Mesmo o órgão sendo atrelado à Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus), tem sua autonomia em construir a política penitenciária.

CAMILO SOB PRESSÃO

Camilinho - greve

Quanto ao governador Camilo Santana, infelizmente, mais uma vez “pisou na bola” ao afrontar os criminosos. Fez seu papel na Mídia, mas nos bastidores a história é outra. Pressionado pelo setor do transporte coletivo – que dá apoio nas campanhas eleitorais – teve que encontrar um “jeito” para acabar com a queima de ônibus nas ruas. E esse jeito foi aceitar a conversa de “pé de orelha” de representantes do Estado com a bandidagem.

EM DEFESA DO CIDADÃO

vALIM

Deputado federal Vitor Valim quer o fim do Estatuto do Desarmamento. Em sua luta incansável na defesa dos cidadãos cearenses, seja na Câmara dos Deputados, em Brasília; ou no programa policial 190 da TV Cidade, ele tem defendido esta tese. E alega que para o cidadão ter uma arma legalizada custa muita muito caro. Uma taxa de R$ 600,00 é cobrada à cada três anos. 

E TEM MAIS!!!

* Começou uma nova dança das cadeiras na Polícia Civil. Nomes trocados em vários departamentos e delegacias. Delegado Ricardo  Moreira deixa o Recursos Humanos (DRH). Pedro Viana assume o Departamento de Polícia Metropolitana (DPM). Aroldo Mendes deixa a Metropolitana de Caucaia (DMC). Ricardo Romagnolli vai para o DPI-Sul.

* Nos dias de turbulência em Fortaleza, com ataques a ônibus e delegacias, o prédio da Secretaria da Segurança Pública, na Avenida Bezerra de Menezes, recebeu reforço na segurança. Os portões foram fechados, luzes apagadas e a guarda recebeu carabinas e fuzis. Melhor prevenir que remediar.  Ali trabalha muita gente, militares e civis.

* Mais de 50 mulheres (precisamente 54) foram assassinadas, neste ano, no Ceará, em menos de quatro meses completos. A maioria por ter envolvimento com o tráfico de drogas. Mas teve também senhoras que morreram ao defender o filho dos matadores do tráfico. Um desses casos aconteceu na cidade de Acopiara. Fato semelhante, em Juazeiro do Norte. Mãe é mãe!!!

*Entre os dias 1º e 25 de abril, o Ceará registrou 11 casos de duplos homicídios nos seguintes locais: Parque São José (Capital), Maracanaú, Gereraú (em Itaitinga), Autran Nunes (Capital), Montese (Capital), Pacajus (Bairro Aldeia Park), Itapipoca (Distrito Betânia), Pedra Branca, Juazeiro do Norte, Sobral (Bairro Sumaré) e Tabuleiro do Norte.

 * O Ceará ainda é o Estado onde foi registrado o mais lucrativo (para o crime) ataque a banco no mundo. Em agosto de 2005, uma quadrilha subtraiu do Banco Central, em Fortaleza, a fortuna de R$ 164,7 milhões. No recente roubo milionário em um banco no Paraguai, foram roubados US$ 40 milhões, ou R$ 124,8 milhões, na cotação do dólar no mercado.

* E a Polícia Rodoviária Federal deu o exemplo: cortou a própria carne ao realizarem conjunto com a PF a “Operação Déjá Vu”. Prendeu vários integrantes da própria corporação que cobravam propina para não multar motoristas que praticavam irregularidades na BR-020 e eram parados no posto de fiscalização em Boa Viagem (a 217Km de Fortaleza).

* Um incêndio para o Comando-Geral da PM apagar. Em um comentário nas redes sociais, o comandante do 2º BPM (Juazeiro do Norte), tenente-coronel PM Paulo Hermann, fez ácidas críticas ao trabalho da Polícia Civil logo após esta esclarecer um caso de homicídio (morte de um topiqueiro) na cidade do Crato. Os PCs responderam na mesma moeda. Tudo isso, nas redes sociais. Precisava disso???

* Tramita no Congresso Nacional um projeto de lei que tenta barrar a participação de qualquer empresa ou indústria envolvida em crimes de contrabando ou pirataria em licitações públicas. O Brasil perde, anualmente, cerca de R$ 1 bilhão em decorrência da pirataria, que vai desde um simples par de chinelos até peças de avião.