Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

Depois de dirigir bêbado e desacatar PMs na hora da prisão, vereador é liberado pela Justiça

Vereador preso

Thiago Peixoto chamou os policiais de "palhaços" e de "Polícia bandida"

VEJA AS CENAS DO INCIDENTE:

 

Depois de desacatar e agredir uma patrulha da Polícia Militar, um vereador do Município de General Sampaio (a 126Km de Fortaleza) acabou sendo liberado após ser autuado em flagrante. O incidente foi gravado por populares em seus celulares e as imagens postadas nas redes sociais.

A confusão aconteceu quando policiais militares abordaram na periferia da cidade o vereador Thiago Nunes Peixoto Gomes (PR), 33 anos, conhecido como Thiago Peixoto.  Denúncias chegadas ao conhecimento da PM informavam que o político estaria armado e assediando duas mulheres, além de bêbado e dirigindo seu veículo.

Ao chegar no local, a patrulha foi recebida com agressões verbais e físicas pelo político, que desafiou os policiais a “ir na mão” com ele, isto é, entrarem numa luta corporal. O vereador chama os PMs de bandidos e diz também que recebeu um “tapa na cara”. Em seguida, ele passa a pronunciar palavrões contra os militares e acaba algemado. Ainda sim, resiste em entrar na viatura e ameaça danificar o veículo. O incidente é filmado por várias pessoas.

Liberado

Depois de muito bate-boca, o vereador, finalmente, foi conduzido para a Delegacia Regional de Polícia  Civil de Itapipoca, onde acabou sendo autuado em flagrante por dirigir veículo sob efeito de bebida alcoólica e desacato. Depois de pagar uma fiança, ele acabou liberado.

Thiago Peixoto foi eleito vereador de General Sampaio com 224 votos nas eleições de 2016.

Em nota sobre o caso, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social  (SSPDS) informou que “o Judiciário concedeu ao acusado liberdade provisória após o pagamento de fiança e cumprimento de medidas cautelares”, e que o caso será remetido para a Delegacia de Polícia de Pentecoste.