Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2018

4.617 em 13/12/2018  

Polícia desarticula no Cariri organização criminosa envolvida em jogos de azar com apostas virtuais

Dinheiro 300

Quatro mandados de prisão preventiva e outros 44 de busca e apreensão foram cumpridos pela Polícia Civil durante uma megaoperação realizada nesta quarta-feira em, pelo menos, três cidades do Cariri, na Região Sul do estado. O objetivo foi desarticular uma organização milionária envolvida na prática de jogos de azar e lavagem de dinheiro, além de associação criminosa e outros delitos. Cerca de 30 milhões foram bloqueados pela Justiça.

Um dos principais envolvidos no crime foi identificado como sendo o empresário Leonel Ferreira de Alencar, cujos bens foram seqüestrados e a Justiça determinou a quebra de sigilos telefônico, bancário e fiscal.

Segundo a Polícia, a quadrilha estendeu seus negócios de jogos de azar a partir da cidade do Crato (a 540Km de Fortaleza) para outras cidades próximas como Juazeiro do Norte, Farias Brito e Várzea Alegre e, ultimamente, já começava a atuar também na Região Centro-Sul do Ceará.

O grupo era formado por empresários com alto padrão de vida, morando em casas luxuosas. Segundo as investigações uma suposta forma da lavagem do dinheiro obtido na prática de jogos de azar era a atividade de locação de veículos e compra de imóveis.

Ao menos, 42 veículos novos e alguns de luxo foram apreendidos como parte da ação policial respaldada em ordens judiciais. As investigações em torno do caso tiveram início ainda no ano passado e se estenderam, de forma sigilosa, pelos últimos meses, com a identificação de uma empresa denominada “Betsnordeste”, cuja atividade principal era a prática de apostas virtuais.

Cerca de 115 policiais civis e 12 delegados participaram da operação.