Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2017

4.555

Atualizado em 21/11/2017  

Adolescente confessa morte de policial militar assassinado durante assalto

Um adolescente de 17 anos, já envolvido em roubo de veículos, confessou ter participado do assassinato do policial militar Paulo Henrique de Farias Nobre, cabo PM destacado no Batalhão de Policiamento Comunitário (Ronda do Quarteirão). O crime ocorreu na manhã da última terça-feira, no Conjunto Ceará. A apreensão do adolescente aconteceu no Município de Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza, onde ele estava escondido na casa de familiares, no distrito do Amanari.

O adolescente não apenas confirmou sua participação no assalto que terminou na morte do cabo Farias. Confessou, ainda, ter feito os disparos contra o militar e também revelou onde havia escondido a pistola que havia roubado do PM. A arma acabou sendo localizada, posteriormente, no bairro Jardim Iracema.  A operação foi realizada, em conjunto, por policiais do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) e do 17º BPM, com o apoio do 12º DP (Conjunto Ceará).

Com a apreensão do menor, o crime, segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), está esclarecido definitivamente. Anteriormente à detenção do adolescente, a Polícia efetuara a prisão de outros dois suspeitos do crime, entre eles, Francisco Arão Gomes Machado. Este, taria participado diretamente da abordagem ao PM que terminou em assalto e morte (latrocínio). Também está preso o terceiro envolvido. Trata-se de Paulo Henrique Cunha Parente, 23, que foi localizado com os objetos roubados do militar pela dupla de comparsas.